Crie Não Copiei

Crie Não Copiei
Mostrando postagens com marcador .Contos Eróticos de DocecomoMel (hgata). Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador .Contos Eróticos de DocecomoMel (hgata). Mostrar todas as postagens

sábado, 20 de abril de 2019

Minha enteada e Eu.


Olá pessoal meu nome é Lucas tenho 39 anos, sou divorciado mas estou de caso com uma coroa com a mesma idade que eu. Não estamos morando juntos ainda apenas ficamos finais de semana, ela prefere que eu fique mais em sua casa do que ela na minha o motivo é que ela tem um casal de filhos.
Eles são bem legais aceitam minha presença sem neuras de ciúmes por causa de seu pai que ainda é presença na vida deles.
Nair minha namorada é muito gostosa, adora sexo e Eu, é claro não dou mole, mas tem uma coisa que esta atormentando meus dias que é a presença da minha enteada, já percebi que quando estou na casa da minha namorada principalmente em finais de semana eu já notei que somos observados.
O quarto da enteada é ao lado do quarto do casal não sou bobo e sei que ela fica olhando pela fresta da porta.
A semana passada quando eu percebi que estávamos sendo vigiados caprichei coloquei Nair no meio da cama de quatro e meti gostoso a posição ficou ótima a pessoa que vigiava dava para ver visivelmente meu pau atochando na xoxota de Nair e só parei de socar gostoso quando explodi enchendo-a com farto leite.
O tempo passou...Depois de duas semanas Nair precisou ausentar-se e me pediu que fizesse companhia as crianças. Rsrsrs
-Sua filha Luna a mais nova agora recentemente completou 18 anos é uma moça morena com cabelos compridos e olhos pretos. Uma gata. Passou no vestibular e vai morar em Salvador no início do ano...Mas nos finais de semana virá para casa.
-Já temos um entrosamento e sempre conversamos sobre vários assuntos, inclusive sobre namoro pois ela tem um paquera, mas sobre sexo ainda é tabu. Nair viajou na sexta –feira eu sai do trabalho e fui para casa dela.
Encontrei Luna na sala vendo TV comendo pipoca e seu irmão tinha saído com os amigos.
Entrei e fui para o quarto e tomei um banho vesti um short folgado sem camisa, fui até a cozinha peguei uma cerveja e voltei para sala.
Estava passando um filme na TV e Eu não estava prestando muita atenção pois estava com meu celular na mão. Depois de algum tempo na sala a enteada me diz!
-Lucas posso te fazer uma pergunta? –Claro do que se trata?
-E algo pessoal... muito pessoal!
-Sei diga logo estou curioso me diga do que se trata!
– Tá bom eu vou perguntar a vida sexual de todo casal é como a sua com minha mãe?
- Acho que sim, todo casal normalmente se respeita se amam e fazem sexo normal como todo ser humano.
-Porque esta pergunta Luna? -Eu escuto os gritos e gemidos de minha mãe quando vocês estão transando, penso até que vocês estão se matando pois a transa de vocês é bem demorada,inclusive algumas vezes eu já me levantei para ver... E acabei me masturbando pensando em poder estar no lugar dela.
-Caracas, Luna eu nunca percebi que estávamos atrapalhando seu sono com nossos gemidos de muito prazer.
Aquilo não me deixou surpreso pois eu sabia que era a minha enteada que andava me vigiando na maior cara de pau e ainda confirma!
-Sem rodeios eu disse poxa Luna seu namorado deve ficar feliz com você ser assim bem ativa!
-Eu terminei com o namorado ele parecia um pateta so queria fazer papai e mamãe.
-Caracas meu tesão foi a mil com aquela conversa, aí eu disse que ia sair pois precisava esfriar um pouco a cabeça pois a conversa sobre sexo havia me deixado louco de tesão.
-Porque precisa sair Lucas fica aqui comigo!
-Estou com muito tesão Luna e sua mãe não está vou tomar uma cerveja com os amigos ali no bar volto logo para dormi.
-Luna olha para mim e diz...Minha mãe não está mas eu estou!
-Eu sei que você está mas faço sexo com sua mãe não com você afirmei!
-A enteada safada olha bem nos meus olhos e diz!
-Não faz sexo comigo porque não quer pois indiretas já dei e muitas e sempre vejo você fodendo minha mãe e fico louca de tesão!
-Luna você tem certeza do que está dizendo?
-Claro Lucas pensa que é fácil ouvir você fudendo minha mãe ela gemendo como louca eu no quarto ao lado me acabando na siririca, quero sentir também o prazer que este pau pode me dar!
Ela falou assim bem de junto a mim, deixei o celular na poltrona levantei ficando em pé de frente para ela.
Luna olhou e percebeu meu pau teso, ai falou está vendo que você também me deseja?
--Luna sou normalmente você está se oferecendo para mim é claro que tenho que ficar com tesão, mas preciso pensar nas consequências, não sou um tarado pervertido!
-Luna caiu na risada e disse Lucas deixa de bobagem quer dizer que transar comigo você teria problemas?
-Não sei se sua mãe descobre ai será o fim do mundo!
-Ela não vai descobrir que a filha dela está carente e está seduzindo o namorado dela!
-E sem dizer mais nada Luna se aproximou e começou a passar a mão no meu pau e com cara de vadia disse humm é do jeito que imaginei quero ver agora como ele age...
-Eu fiquei em pé Luna abaixou-se ficando de joelhos e começou alisando meu pau sobre o short, em instantes meu pau estava tinindo de teso, ela abaixou meu short junto com a cueca, ai meu pau teso surgiu em frente a seus olhos, ela não perdeu tempo segurou com as duas mãos e caiu de boca me chupando com sua boca gulosa, delicia sentir o calor de sua boca por meu pau inteiro, eu segurava em sua cabeça ajudando-a.
Olhava Luna da cabeça aos pés imaginando ela nua, aquela bunda perfeita, seus seios médios durinhos... Um pitéu como o povo fala.
-Ai ela esticou sua mão delicada e pousou sobre meu pau e falou tudo isto e você
Pensando o que pode fazer comigo?"
Fiquei embaraçado, sem saber o que falar mas minha consciência foi rápida e eu pude reagir como todo homem reage perante uma cantada nada convencional, ainda mais sendo da filha da sua namorada.
 Apenas ri e fui me aproximando calmamente segurei em sua cintura e puxei ela para que ficasse sentada no meu colo.
 -Luna ria sem pudor nenhum, falou ai o Lucas safado enfim me enxergou...Tirei meu short, comecei alisar seus peitinhos, dei uma mamada em cada um deles, mordisquei fazendo ela soltar um gemido que pareceu mais um urro de prazer.
A safada levantou-se ajoelhou a meus pés e enfiou sua mãozinhas delicada por entre a cueca tirando meu cacete teso e sem pudor ou ressentimento abocanhou meu cacete...
Caracas agora a coisa ficou séria eu pensei não tem mais volta!
Aí, eu perdi todo o meu auto controle, cai pra cima dela tirei toda sua roupa, e começamos a nos beijar, nossas línguas se fundiam.
-Ai peguei ela no colo e levei até o quarto de sua mãe, botei no meio da cama fechei a porta liguei a TV e comecei a passear com minha língua por seu corpo, seus seios, barriga até encontrar aquela xoxotinha, lisinha ensopada de tesão, eu suguei seu grelinho com meus lábios gulosos e sedentos em pouco tempo senti pela primeira vez o sabor do gozo de minha enteada! Parecia uma fonte inesgotável de mel e prazer... Saboreei cada gota sentindo ela se contorcer em minhas mãos.
Meu cacete latejava, duro e em pouco tempo fui ao   encontro do caminho do prazer naquela xoxotinha ensopada de tesão.
Fizemos um sexo selvagem, onde mudamos várias vezes de posição, eu querendo sentir prazer a cada minuto eu nem pensava se poderia ser única vez que nos transaríamos. Eu queria era dá prazer a ela!
E quando eu deitei na cama e Luna veio por cima e começou a cavalgar como uma louca alucinada eu não suportei e gozei gostoso, dentro daquela xoxotinha lambuzada de tesão, e ficamos os dois exaustos largados na cama.
Mas logo meu cacete foi despertado novamente, ficando excitado, Luna começou a acariciar meu cacete me pagando uma gulosa perfeita, eu comecei a passar a mão naquela bunda deliciosa, logo tratei de beijar e lamber sua xota e rabinho deixando ele bem molhadinho.Mas ela logo disse que hoje não, mas quem sabe outro dia. Caprichei chupando seu grelo delicioso que estava teso entre meus lábios ela por cima me chupava até as bolas. Ficamos os dois atracados e adormecemos.
Fui despertado ao amanhecer com Luna me pagando um boquete ai fomos tomar um banho e no banheiro Luna com a maior safadeza ficou de bunda empinada com as mãos apoiadas no box do banheiro eu a penetrei e assim ficamos por mais de 10 minutos numa foda sensacional. Sentir o gozo de Luna na cabeça do meu pau me causou uma sensação maravilhosa que explodi gozando enchendo sua xoxota com farto leite.
O tempo passou eu e Nair terminamos nosso relacionamento, mas eu e Luna sempre cada vez mais apaixonados nos encontramos sempre ela diz que vai para casa de amigos e vai para meu apartamentos e curtimos gostoso.
Eu quero assumi-la como minha mulher ela tem receio da mãe. Estou deixando pela vontade dela, mas a safada amadureceu adora sexo eu amo estar com ela, mas eu a quero direto comigo não sei o que fazer. Quando ela vem em finais de semana passamos um final de semana só fudendo, Luna não é mas a novinha que me espionava transando, amadureceu está perto de se formar nos damos muito bem mas ela precisa assumir nosso amor. Vou dá uma semana de prazo a ela para resolver isto.
Acredito que as coisas precisam ser esclarecidas.
Vocês concordam eu fui seduzido, não fui forte o suficiente como deveria ter sido. Mas aconteceu, e agora preciso retificar os erros, amo Luna demais, a quero como minha mulher não como uma garota de curtir na cama.
Com vocês o julgamento pois só quem vive sabe o que se passa no íntimo de cada ser.
Até a próxima...


Docecomomel
@docecomomelcontos.
Feira de Santana, 2 de abril de 2019.
Bahia Brasil.

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

A novinha filha da empregada.



Meu nome é Marcos estou próximo de fazer 36 anos, sou um moreno alto, de cabelos lisos e castanhos. Sou um cara tranquilo, bom marido exceto minhas puladas de cerca, mas tudo no maior sigilo afinal adoro sexo e não me contento com uma mulher só, tenho 1,82 de alt. 80 kg e um pau de 20 cm bem cabeçudo.
Tento ser o mais carinhoso possível, mas tem momentos que adoro um sexo selvagem, dentro dos limites que a parceira permita.
A filha da nossa faxineira estava de férias e por não querer deixa-la em casa sozinha Diana nossa empregada que trabalha em nossa casa pediu que permitisse de trazer sua filhinha. Eu como sou um pouco distraído achei que teríamos em casa uma criança birrenta e chorona ai passou-se o final de semana e na segunda feira eis que nossa empregada chega com uma linda moça.
Assim que Diana chegou e eu avistei a seu lado aquela linda moça eu fiquei realmente impressionado com a beleza daquela linda ninfeta de 18 aninhos. Seu nome era Laís.
Senti uma excitação fora do normal e já comecei imaginar que provavelmente a linda mocinha deveria ser virgem. E quando eu fui apresentado a ela segurei em sua mãozinha delicada e com simplicidade ela me abraçou como se abraça um tio ou uma pessoa mais velha.
Foi meu pior castigo eu fiquei como um louco, excitei-me no mesmo instante... Ela tinha um cheiro de flor pura e casta isto me deixava muito excitado e com vontade de transar com ela ali mesmo. O dia passou rápido e quando eu voltei do trabalho de tardezinha ainda a ninfeta estava por lá.
Olhei bem em seus olhos e ela tirou seu olhar do meu.
Na hora da jantar eu percebi que ela ficou me observado de um jeito   bem diferente, eu sei que era algo de curiosidade, mas ela me olhava de um jeito angelical e estava me deixando enlouquecido.
Logo após o jantar elas foram embora, naquele dia transei com minha esposa como há muito tempo não o fazia.
Fizemos várias posições ela até estranhou e rindo falou amor você está com um fogo hoje hein?
Antes de adormecer minha esposa disse querido amanha de tarde nossa empregada vai ao médico quem vai ficar por aqui e sua filha viu?
Tudo bem querida...Eu calei-me nem disse que estaria de folga na tarde seguinte teria que dá um jeito de saborear aquela ninfeta deliciosa pensei comigo mesmo.
Na manhã seguinte fui trabalhar a empregada ainda não havia chegado.  Voltei do trabalho meio dia, almocei e a Diana me disse seu Marcos minha filha vai ficar por aqui caso precise de alguma coisa pode pedir a ela.
Eu apenas disse tudo bem Diana pode ir sossegada já vou sair.
 -Minha esposa estava de plantão só retornaria no dia seguinte então eu disse que não iria precisar de nada pois iria trabalhar.
A Diana então disse então filhinha pode descansar que já adiantei tudo da casa!
-Certo mainha vou dormi um pouco acordei muito cedo afinal estou de férias!
-Sai praticamente junto com a nossa empregada só não dei uma carona pois íamos em direções opostas.
-Na verdade saí por uns dez minutos. Logo eu voltei entrei sem fazer nenhum barulho e fui até o quarto da empregada nas pontas do pés.
-Assim que cheguei na porta do quarto vi uma das cenas mais linda, a moça deitada com as pernas entreabertas mas dava para vero volume de sua linda xoxotinha.
Salivei de vontade entrei sem fazer barulho e fechei a porta. Fui até junto da cama comecei passar a mão em sua bunda lentamente com bastante carinho, ai percebi ela abrindo ainda mais as pernas pensei a putinha quer o mesmo que eu quero.
Comecei a alisar com mais impetuosidade, aí ela assustou-se e sentou-se na cama.
-Seu Marcos o que o senhor está fazendo aqui?
-Até agora não fiz nada, mas vamos fazer muita coisa!
-Seu Marcos não podemos o senhor é casado! –Sim e o que tem isto?
-Por acaso te pedir em casamento?
-Não ...Não é que tenho medo de minha mãe descobri e sua esposa também.
-Só se você contar não é a primeira nem a última mulher que transo depois que me casei, deixa de bobagens.
-É que eu só transo com meu namorado.
-Sempre há a primeira vez bobinha aposto que você vai amar.
-E sem muita conversa a deitei na cama peguei um lençol amarrei suas mãos e falei hoje quero fazer algo diferente espero que colabore.
-Sim seu Marcos vou ficar quieta não me machuque então...Prendi suas mãos na cabeceira da cama ela ficou assim para o alto aí abri suas pernas prendi um dos pés na cama e com muita sede comecei a chupar sua xoxota, lisa apenas com um pequeno fio de pelos. O tal decote que as mulheres tanto gostam de fazer. Senti que ela arrepiou-se toda até parece que nunca ninguém tinha colocado a boca naquela xoxotinha, linda e gostosa. Ela gemia baixinho em pouco tempo começou a chorar, ai eu perguntei se ela queria que eu parasse? Ela entre soluços disse que chorava mas de prazer que estava sentindo!
-Porra fiquei mais louco ainda fiz um movimento em seu corpo, frouxei suas mãos e coloquei ela de quatro(4) comecei a dá tapas naquele rabo, eu não sabia se ela estava chorando ou urrando, ai parei alguns minutos com os tapas e fui lhe dá um banho de língua.
Comecei beijando sua boca e fui descendo percorrendo seu corpo inteiro deixando por onde minha boca passava uma trilha de puro êxtase.
-Ai eu vi que ela iria cooperar soltei seus pés e mãos, mas continuava acariciando com tesão e muito vigor para ela sentir quem era o chefe ali naquela hora. Ela de quatro me prostrei-me na sua frente só assim ela viu o tamanho do meu pau, sem uma palavra mesmo sem ela saber o que eu queria vi seus olhos brilharem, ai como passe de mágica ela abocanhou meu pau e começou a me chupar.
-Uau que boca deliciosa eu pensei, apenas forçava umas estocadas de leve, ela teve momentos que entalou, mas não deixou um minuto sequer de me chupar.
Não marquei o tempo mais foi um dos boquetes mais gostosos que já recebi, não gozei em sua boca porque não quis naquele momento, foi ai que eu botei ela deitada de frente, ai com jeito abrir suas pernas deixando toda arreganhada.
Eu queria que ela pudesse me olhar quando eu estivesse comendo sua xoxota gostosa, foi aí que eu comecei a passar a cabeça do meu pau no grelo e nos lábios de sua xoxota e bem devagar fui enfiando lentamente até está tudo dentro daquela xoxota cheirosinha, ai parei para ela se acostumar com o tamanho, dei beijos e mordisque lhe os seios e lóbulos da orelha sentia sua pele toda arrepiada. Ai quando eu parei de beijar sua boca um momento ela disse Ah Marcos nunca tinha feito um sexo tão gostoso assim!
-Pois minha putinha estamos apenas começando comecei a dá estocadas forte fazendo gemer alto eu calava sua boca com beijos, mordia seus seios deixando marcas de chupão eu estava louco de tesão ai depois de algum tempo trepando com aquela linda moça ela começou a estremecer e falou que estava gozando...Que estava sentindo algo que nunca havia sentido em sua vida ai começou a gemer alto e forte.
-E com a voz embargada de emoção falou que estava louca de tanto prazer que estava sentindo. Eu nunca senti tanto prazer assim seu Marcos!
-Eu falei e vai sentir mais ainda quero que goze no meu pau!
-Hum delicia...E eu falei pra ela rebolar gostoso que queria sentir seu gozo melar cabeça do meu pau, queria gozar junto com ela e assim comecei a beijar ela bem gostoso apertando seu peitos, deliciosos e assim quando eu comecei a meter com ritmo acelerado ela não aguentou e começou a revirar os olhos se contorcia inteira, eu não perdi um minuto metia com muito vigor até começar a gozar gostoso dentro dela.
Caracas que coisa nem camisinha usamos, ambos gozamos gostoso e ai quando meu pau saiu de dentro dela ela sentiu sua xoxota quente cheio de meu leite.
Ela veio me limpou o meu pau ficamos abraçados trocando juras de amor eterno ai ela me disse que nunca em sua vida sentiu tanta sensações e prazer como sentiu naqueles momentos.
-E claro que falei ainda é apenas o começo desde então ela deixou de vim até minha casa eu agora tenho vida dupla a safadinha é minha amante, sempre meus momentos de folgas fico com ela em algum motel e já fizemos de tudo.
Está uma verdadeira expert na matéria de sexo e trepamos muito sempre, Em casa continua como antes. Sexo vez ou outra ou quando minha putinha está sem poder aproveito dá um bom trato na patroa mulher realizada na cama não desconfia do marido está certo?
Comer a safadinha foi uma das melhores peripécias que já aconteceu em minha vida.
Foram momentos de muita coragem que resultou em momentos de muito prazer. Depois volto para contar a primeira vez que fizemos anal, ela adorou e ficou viciada não tem um encontro nosso que não tenha anal e adora senti meu gozo farto em suas entranhas.
-É claro que adoro tudo isto.

 Docecomomel
@docecomomelcontos.
Feira de Santana 14 de setembro de 2018
Bahia: Brasil.
https://noisdafeira.blogspot.com/


sábado, 14 de julho de 2018

Muito Sexo com Minha Chefe.


Olá meu nome é Carla tenho quase 18 anos, sou estudante e trabalho em um escritório de contabilidade pelo período da tarde.
Estou sem namorado, adoro sair com minhas amigas nos finais de semana, faço caminhadas e ando de bike.
Recentemente entrou uma funcionaria nova no escritório, como ela tem uma vasta experiência em contabilidade logo passou a ser chefe. Seu nome é Edilaine. Muito simpática com seus 36 anos, solteira com uma boa situação financeira pois do escritório a única que tinha carro era ela.
Logo estava enturmada com todos e apesar de ser a nossa chefe era uma pessoa muito popular.
Em pouco tempo nos dia de sexta feira saiamos do trabalho ia jogar conversa fora e beber algo Nem todos bebiam.
Algumas vezes eu tomava um ou dois Chopp. Depois pegava um taxi e ia embora, mas naquela sexta feira demoramos um pouco mais pois estávamos comemorando aniversario de uma das colegas.
Já quase 22 horas todos começaram a ir embora eu já ia chamar um taxi quando Edilaine me ofereceu uma carona, segundo ela teria que passar no meu bairro para ir para sua casa. Aceitei a carona e assim fomos embora o percurso não seria mais que meia hora. Edilaine começou a me interrogar se tinha namorado se eu morava sozinha, estas coisas eu respondia educadamente. Quando já estava perto de minha casa Edilaine perguntou se eu queria almoçar com ela no sábado?
Almoçar? Sim como eu moro sozinha as vezes faço algo para comer e sempre convido alguém se você aceitar ficarei feliz, ela respondeu eu como não vi nada demais no convite aceitei.
Então amanhã te espero as 11 horas, foi ai que ela me passou endereço e eu pude ver que era bem pertinho mesmo da minha casa.
Logo Edilaine manobrou o carro em minha rua. Agradeci a gentileza dá carona e quando ia me despedindo com um beijo na face nossos lábios se tocaram em um selinho.
Fiquei sem graça e desci do carro rapidamente.
Bem ao contrário de Edilaine que sorria com um jeito sedutor andei em direção a minha casa e entrei. Ouvi o carro sair lentamente.
Tomei um banho vesti uma roupa de dormi e fui dá uma palavrinha com minha mãe que assistia TV. Conversamos um pouco e eu falei com ela que no dia seguinte iria almoçar com minha chefe.
Minha mãe falou está bom minha filha, mas cuidado com as pessoas não seja muito ingênua.
-Está certo mãe é minha chefe do escritório ela já é uma coroa.
-Entendo minha filha tudo bem até amanhã durma bem. Adormeci logo acordei cedo fiquei no celular vendo mensagens só levantei as 9 horas, tomei café fiquei daquele jeito de preguiça. As 10 horas comecei a me arrumar para ir almoçar com minha chefe depois do banho eu no meu quarto me vestindo, escolhendo roupa como se estivesse indo ao encontro de um namorado.
Teve momentos que até pensei que estava indo mesmo a um encontro ai minha mente se dissipou, mas lembrei do roçar de nossos lábios e de como Edilaine ficou após isto.

Na hora marcada estava eu lá em frente à sua casa tocando a campainha, ela veio atender estava muito bonita com uma blusa estampada e short jeans. Entrei e ficamos conversando
 Sobre vários assuntos Edilaine me ofereceu uma taça de vinho eu aceitei ela veio com duas taças nas mãos sentamos no sofá conversando como duas amigas de tempos. Foi ai que ela ofereceu mais vinho eu disse que não queria, ela riu e perguntou por que?
-Eu respondi que com pouco fico bêbada! Ela disse não se preocupe que eu tomo conta de você. Ai eu aceitei e tomei mais um pouco de vinho. Depois me deu vontade de ir até o banheiro. Edilaine me mostrou onde era eu levantei e quando me dirigia ao banheiro eu cambaleei, ela me amparou e eu fiquei segura entre seus braços. O calor de nossos corpos, me fez pensar em coisas que jamais imaginei, ai senti um arrepio, não de frio mais de puro êxtase.
E foi assim que num roçar de lábios Edilaine veio e me beijou, ela tinha um beijo maravilhoso, suave mais com um gostinho de malícia, sua boca se apossou da minha e eu não fiz menor resistência a nada.
Foi ai que sai de seu abraço e fui para o banheiro. Demorei um pouco e me olhando no espelho me vi com as faces afogueadas os bicos do seios empinados, ai pensei meu Deus eu senti desejo e ainda estou sentindo tesão por Edilaine, lavei meu rosto com água fria, respirei fundo e sai do banheiro.
A encontrei sentada no sofá à minha espera.
Ela levantou-se segurou em minha mão levou aos lábios e disse não tenha medo Carla do seus desejos entregue-se é natural medo do desconhecido. Relaxe e viva esta momento comigo!
-Foi ai que puxei ela pra ficar de pé de frente a frente com ela, foi assim que ela começou a me beijar.
Nossas mãos percorriam nossos corpos, era um passar de mão pela bunda, nossas bocas buscavam cada canto de nosso rosto com intenso carinho.
Tanto eu como ela soltava uns gemidinhos, aquilo me deixava extremamente muito excitada, eu estava adorando tudo isso.
Ficamos um bom tempo nessa pregação, nem vimos o tempo passar, e já estava na hora de ir almoçar assim fomos as duas para cozinha, almoçamos conversamos muito ela me disse que me queria como namorada mas me daria um tempo para me habituar, almoçamos, arrumamos tudo ficamos conversando ela deitada com cabeça no meu colo no sofá quando já era de tardezinha nos despedimos e eu fui embora. Não houve nada além de uma troca de carinho entre nós duas.
Na minha saída ela me disse pensa com carinho Carla na minha proposta, Quero você para ser meu par.
Pedi um táxi e fui para casa.
Chegando em casa mandei uma mensagem pelo Zap pra ela falando que tinha adorado nossa tarde, que aceitaria sim ser sua namorada, mas tinha que ser aos poucos com calma pois é algo novo para mim e queria que minha mãe participasse desse momento comigo. Não quero fazer nada escondido dela.
Ela disse que concordava sim, mas que pelo gosto dela eu nem tinha vindo embora pois ela estava louca pra transar comigo.
Eu mandei umas carinhas e falei que ela tinha que ter calma pois eu jamais tinha transado com uma mulher. Eu sei disse Carla Deus reservou você para mim.
Conversa com sua mãe e venha passar a noite comigo e o dia de domingo. Prometo respeitar tua vontade!
-Ai eu disse que não iria hoje no sábado à noite, mas no domingo cedo estarei em sua casa.
Nos despedimos com beijos e fotinhas de coração e amores eternos e desliguei o telefone fui conversar com minha mãe. Conversei com minha mãe, que alertou para as armadilhas da vida e me desejou que fosse muito feliz com minha escolha. Amanheceu um dia lindo e ensolarado arrumei uma sacola de roupas e coisas de uso pessoal. Eu tomei um banho caprichado me depilei, passei perfume e coloquei um vestidinho bem sexy fui me despedi de minha mãe dizendo que voltaria só na segunda de noite quando saísse do trabalho, mas que enviaria mensagens a ela, sai e tomei um taxi e fui de encontro a um novo amor.
Toquei a campanha e Edilaine surgiu com um sorriso maravilhoso me abraçou me disse que eu estava bem cheirosa perguntou se eu queria comer alguma coisa pois ainda era bem cedo.
Disse que já tinha tomado café, então ela segurou minha sacola botou sobre uma cadeira e começou a me beijar.
Eu correspondia a seus beijos.
Foi então que ela me disse quero que você tenha nosso primeiro momento de amor inesquecível assim me segurou pela mão me levou até seu quarto.
Entramos ela fechou a porta e falou pra eu relaxar e deitar, eu me deitei no meio da cama. Com a roupa que vim vestida que era apenas um vestido leve e calcinha. Estava tensa com os olhos fechados foi ai que ela veio me beijou o rosto inteiro, olhos canto dos lábios orelhas.
Ai me tirou o vestido, me deixando só de calcinha na cama, mamou cada um dos seios e me falou que eu estava muito gostosa!
Ai eu também comecei a tirar sua roupa, era short jeans e uma blusa fina estampa floral, sem soutien apenas uma calcinha preta. Ai a puxei para cima da cama não resisti e comecei a chupar seus peitos, eles eram fantásticos bem maiores que os meus, eu chupava e mordiscava os bicos que eram maiores que os meus e ela começou a gemer igual uma gata no cio.
 Estava tudo maravilhoso, logo eu comecei a passar as mãos sobre sua calcinha, foi ai que dei um puxão de leve que rasgou o lado deixando ela nua para mim, logo que tirei sua calcinha eu tomei a iniciativa e abocanhei sua buceta carnuda e comecei a chupar ela.
Ai ela veio por cima encaixou sua boca na minha buceta e abocanhou com muito gosto, soltei um gemido quando sentia sua língua enfiar na minha buceta que pareceu um uivo, ela gemia e forçava minha cabeça contra sua buceta, eu fazia o mesmo que buceta gostosa, logo eu fui aumentando a velocidade, eu e ela gemia e se contorcia na cama.
Foi ai que eu disse que era para ela não parar que eu já ia gozar, era meu primeiro gozo na boca de uma mulher. E gozei gostoso, e é claro ela chupava tudo, sugou e lambeu meu mel.
Foi ai que continuei chupando ela que também gozou...lambi cada gota de seu mel depois ficamos nos beijando uma sentindo o gosto da outra nos lábios.
Nós beijamos e ela disse que agora seria vez, estranhei pois ela também tinha gozado comigo, ela disse que agora seria ela a me proporcionar o maior dos prazeres, que eu seria a Feema dela. Eu continuei deitada aì ela veio ficou do meu lado eu estava apenas só de calcinha, ela veio e começou a chupar meus peitos, dava leves mordidas nos bicos, aquilo me excitava muito, logo veio e tirou minha calcinha e começou a me chupar, ela chupava muito bem, e eu gemia e pedia pra ela não parar. Ela tirava a boca da minha xoxota e rindo falava e quem quer parar minha tesuda.
Ai depois de um longo tempo me fazendo gemer e gozar muito ela começou a colocar o dedo em minha xoxota começou a me foder me dedava e chupava ao mesmo tempo estava muito gostoso eu pedia querendo muito mais.
Foi assim que ela veio por cima nossas pernas se cruzavam minha xoxota esfregava na dela ambas loucas de tesão, (nossa primeira tesourada) estávamos muito excitadas, não demorou muito ambas gozamos, foi maravilhoso o orgasmo intenso nossa respiração ofegante nos dizia tudo o que estávamos sentindo.
Ela veio me beijou e disse que eu era muito gostosa, que tinha gostado muito de tudo que fizemos.
Assim ficamos deitadas conversando e foi nossa primeira vez de muitas...Agora moramos juntas e vamos realizar uma cerimônia simples para oficializar nossa união de muito amor carinho e respeito uma pela outra. Mas tem um pequeno detalhe vez ou outra saímos e sempre acontece de termos contatos com homens tanto eu como ela agimos naturalmente, mas ela sabe que meu amor é só dela e estamos felizes assim.
Sexo é vida e prazer.

Docecomomel
Instagram: docecomomelcontos
Feira de Santana, 14 de julho de 2018
Bahia Brasil.

segunda-feira, 5 de março de 2018

Meu enteado safadao.





Olá meu nome é Marcela tenho 36 anos sou casada com um homem que tem 12 anos a mais que eu. Ele já foi casado anteriormente e tem um casal de filhos.
Os filhos do meu marido são dois jovens muito responsáveis e sempre nas férias da faculdade passa dias em nossa casa. Principalmente o mais novo que tem 19 anos, seu nome é Lucas ele é um moreno muito bonito com olhos pretos seu corpo é atlético.
Neste mês de janeiro aconteceu algo que mudou completamente minha vida, meu marido viajou à trabalho e por coincidência seu filho veio passar alguns dias em nossa casa.
Dele ter vindo tudo bem só que eu não esperava que pudesse acontecer fatos que me levasse a cometer loucuras não sei o que me tirou do sério se foi ausência do marido ou carência ou tesão mesmo que eu sentia, mas mantinha represado em meu íntimo, vou relatar abaixo.
Eu estava dormindo e acordei ouvido vozes, levantei de baby dool e fui ver do que se tratava cheguei até a porta do quarto de visitas que sempre era ocupados pelos meus enteados em especial por Lucas que sempre é o que frequenta mais minha casa. A televisão estava ligada e na tela passava um filme pornô e Lucas estava muito excitado em pé em frente da TV, Caracas ele estava de pau duro e nossa que pau grande e grosso... Estava se masturbando.
Eu quando vi aquele pau imenso e teso eu já fiquei toda molhada, mas o pior de tudo isto que ele chamava por um nome e por coincidência era meu nome.
Tentei sair dali mas meus pés não me obedeciam foi ai que Lucas fez um movimento e percebeu minha presença.
Eu imediatamente sai dali. Fui para meu quarto depois de alguns minutos Lucas bate na porta.
Perguntei o que ele queria?
-Quero falar com você Marcela quero pedir desculpas pelo ocorrido!
Amanhã falamos Lucas!
-Não Marcela tem que ser agora abra ai está porta por favor.
-Eu estava com receio e vergonha, ai andei até a porta e abri.
Lucas estava vestido com um short fino de dormi e ainda percebi que estava com tesão!
-Ele segurou em minhas mãos e falou.
-Marcela perdão pelo o que você viu, mas é algo que não consigo controlar desde que me tornei homem você é a mulher que povoa meus pensamentos só penso em você sei que é errado você é mulher do meu pai mas desejo ardentemente fazer sexo com você!
-Lucas eu não sei o que dizer!
-Não diga nada sei que você também me deseja!
-Você está louco Lucas quem te disse que eu desejo você?
-Seu corpo, seu olhar olhe para você neste exato momento está com medo de mim ou tesão por mim?
-Não conseguia nem respondeu meus olhos o cobiçava, sentia minha xoxota latejar e ficar melada ai sem conseguir dizer nada me deixei levar por Lucas!
-Foi ai que ele me deitou na cama, tirou minhas roupas eu estava sem calcinha, estava pronta para dormir e para ele foi ai que ele viu como minha "xoxota” estava toda molhada e raspadinha.
Lucas me deitou eu não esbocei reação alguma quando ele viu como eu estava excitada ele ficou louco, não pensou nem 2 vezes e já foi caindo de boca na minha xoxota e começou me chupando como um louco eu me contorcia de prazer era algo maravilhoso sentir sua língua invadir meu corpo, ai eu acabei não aguantando e gozei em sua boca.
Meu corpo estremecia de tesão Lucas me sugou muito me deixando mole, foi aí que logo em seguida ele subiu na cama abriu minhas pernas colocando-as preso à sua cintura e lentamente enfiou aquele pau inteiro dentro de mim.
Eu fui a loucura ele bombeando com força seu pau inteiro teso dentro de minhas carnes, ele me beijava me chamava de puta gostosa dizia que fazia tempo que me desejava eu apenas gemia e correspondia a seus beijos, estava entregue ao êxtase do momento!
Ai quando ele me pegou de quatro (4) me batendo na bunda me puxando os cabelos aí gozei de novo.
Lucas disse que sabia que eu era gostosa. Pois ouvia eu com seu pai e tinha certeza que a foda era muito prazerosa pois nunca soube que seu pai tenha procurado outras mulheres fora de casa, mesmo sempre viajando.
Eu nem sabia dizer nada foi ai que ele perguntou como era que eu queria vê-lo gozando?
Respondi que queria seu leitinho!
Lucas deu mais umas estocadas com força, mais alguns tapas na minha bunda e falou!
Tu quer leitinho é safada? Vai beber tudo viu? Não deixa desperdiçar viu minha puta?
-Louca como eu estava ai eu fiquei de quatro (4) de frente para ele foi ai que ele começou a passar seu pau pelo meu rosto e boca.
Ai com um movimento segurou pelos meus cabelos e meteu seu pau na minha boca. Caracas que pau grosso ele tinha ai eu caprichei na chupada, lambendo a cabeça e depois em seguida enfiar o pau inteiro na boca, cheguei a engasgar mas não parei pois queria seu leite em minha boca. Em pouco tempo com o boquete que eu caprichei em fazer no meu enteado gostoso do pau tesudo, ele socou um pouco na minha boca mas logo ele gozou na minha cara me lambuzando meu rosto todo.
Ai finalizei uma chupada deixando o pau limpo. Lucas delirava dizendo que eu era uma delícia de mulher.
Ai fomos deitar antes de amanhecer Lucas me comeu de ladinho, me fez quicar em seu pau e gozamos novamente, ai depois desse dia sempre que Lucas vem ficar aqui damos um jeito e saímos para algum motel... E essa foi umas das melhores transas que já tive em minha vida.
Agora meu enteado é meu amante não me importo que sempre está com namoradas afinal continuo com seu pai e continuo fazendo sexo com meu marido, mas nos momentos de tesão é de Lucas que lembro e ai sim gozo gostoso.
Na primeira vez que fomos a um motel ficamos a tarde toda e foi com Lucas que aprendi a ter prazer no sexo anal, porque meu marido não gosta muito mas em compensação Lucas me faz gozar gostoso me enrabando eu acho maravilhoso senti-lo por completo dentro de mim.
E o gozo é farto e muito prazeroso.
Depois volto para contar como são nossos encontros...Sempre com muito tesão.

Docecomomel
Instagram :docecomomelcontos
Feira de Santana 05 de março de 2018.
Bahia Brasil

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Priminha Safada Carente


Olá meu nome é Jonas eu vim contar hoje como e quando eu sem querer e sem planejar transei com a esposa do meu primo. Fui para o sitio dos meus tios passar o final de semana, meu primo estava por lá com sua esposa e um casal de amigos.
A esposa do meu primo é uma mulher loira de 1,65 de altura com aproximadamente 65 kg eu já ouvi comentários que ela bota chifre nele eu ignorei pois não quero confusão na família, mas com toda certeza se tivesse chance eu iria tirar minha casquinha pois não rejeito sexo e mulher casada quando quer dá é porque marido anda negando fogo são as melhores fodas.
Estava muito calor, então bem de tardezinha fomos tomar banho na piscina a esposa do meu primo estava deliciosamente tesuda seu biquíni mostrava o desenho de sua buceta que era bem cheinha estufadinha uma delícia, ver ela nadando de um lado para o outro com aquele minúsculo biquíni branco me atiçou muito.
Meu primo tomou todas que tinha direito o casal ficou na piscina mas logo se retiraram e foram para o quarto com certeza para foder, pois vi como estavam ambos excitados afinal tinham que aproveitar pois são apenas namorados, então ficou eu e a esposa do meu primo tomando banho.
Teve um momento que sai da agua para tomar uma cerveja logo eu fiquei sentado na borda da piscina com as pernas dentro da agua.
Laís que é o nome da esposa do meu primo veio para de junto e percebeu como eu estava excitado ai com a cara de safada falou.
-Nossa primo como você está hein?
-Tentei disfarçar e falei é excesso de tesão!
-Hum que bom enquanto seu primo falta, pois vive enterrado na bebida!
- Ah é deixa ele até no dia que você resolver comer fora ai ele acorda para a vida.
-Olha primo eu não sou de dá para qualquer um, mas vez ou outra apelo para um pau amigo.
-Ah é? E como funciona isto?
-Sempre algum amigo dele ou meu mesmo de trabalho rola sexo saudável sem compromisso.
-Hum que delicia então poderia rolar hoje ou então agora já que ele já está bêbado mesmo não vai te comer hoje do jeito que está?
- Sem dizer nada Laís que estava dentro da agua, começou a me punhetar e quando viu como eu fiquei em instantes falou, olha vou lá para o quarto dos fundos da casa lá tem uma cama, pode ser?
-Claro pode ir em pouco tempo chego lá. Ela saiu da agua e seguiu para os fundos da casa.
Esperei apenas 2 minutos e fui na mesma direção. Já cheguei abaixando a sunga ela tinha tirado o biquíni estava apenas com uma saída, ai ela viu minha pica toda tesa ai exclamou “Nossa primo que pauzão você é hein”, 
-E tudo para você eu falei ai ela abaixou-se ficando com a boca bem próximo a minha pica ai eu disse pode entrar em ação que ela dobra de tamanho,
Ela segurou em minha pica que latejava de tão dura e disse assim “eu já tinha reparado no volume que estava por debaixo da sunga, só que agora vou ver ela entrando em ação”. Segurei ela pela cintura tinha que ser breve então
Só tinha uma coisa a fazer e rápido comecei beijando sua boca e continuamos nos tocando e beijando loucamente, perguntei-lhe se não ia haver problema, pois o marido dela poderia acordar, aí ela disse mesmo que ele acordasse não iria procurar ela onde nós estávamos.
-Hum então Laís vamos aproveitar esse meio tempo. Ela abaixou novamente segurou em minha pica e começou a lamber eu segurava em sua cabeça guiando como eu queria o boquete ela apenas gemia um pouco e enfiava minha pica inteira na boca.
 Pensei comigo: “que safada boqueteira”.
Após isso eu devagar deslizei a minha mão pelo corpo dela e conseguia apalpar sua bucetinha que estava melando tanto que chegava a escorrer.
Curti seu boquete por alguns minutos, mas por mais que eu quisesse demorar tinha que aproveitar logo o tempo então ela se deitou na cama, eu me virei e mandei-a abrir as pernas, dei um banho de língua naquela buceta gostosa, chupava e mordia os ladinhos da sua bucetona a safadinha quase gozando já estava gemendo de muito prazer, chupei como pude   aquela buceta gostosa, ai passados poucos minutos tive o meu prêmio que era seu mel pois logo ela estava gozando em minha boca.
Não resistiu a minha língua e meus dedos a safada gozou estremecendo o corpo inteiro, é claro que só parei de chupar quando ela ficou mole em cima da cama respirando ofegante.
Vendo que ela respirava ofegante, eu fui para cima dela com a pica tesa babando ai ela abriu os olhos  e caiu de boca na minha pica ela chupava gostoso tentava colocar tudo na boca, eu batia minha pica na cara da safada e a chamava de puta, ela continuava chupando bem gostoso depois sentei-me na cama com a pica tesa, ela safada  veio e sentou gostoso em cima de mim, senti o meu membro entrar devagar abrindo aquela buceta gostosa, ela gemia baixo bem gostoso, depois, soquei por completo a pica todinha naquela buceta.
 Ela deu um gemido e disse: “Não pare por favor “, eu continuei a dar várias estocadas, que parecia que ia arrombar ela por inteira tamanho era o meu tesão.
Aquela sensação era muito boa, Laís gemia e rebolava devagarzinho em minha pica enquanto rebolava aumentava seus gemidos:
- “aiiiiii me fode gostoso”,
- “isso que é pica de verdade não aquele pintinho do meu marido”,
- “vai fode sua priminha bem gostoso”.
Eu respondi: “É pica que você quer é vadia então toma sua puta”.
Então coloquei a safada de 4 e comecei a foder a buceta daquela safada novamente, só que aumentei os movimentos e comecei a bombear forte aquela bucetinha e a encher aquele rabo grande de tapas até ficar vermelho, Laís aumentou o ritmo e começou a rebolar e gemer muito forte ela estava tão excitada que gozou bem gostoso na cabeça da minha pica.
Senti escorrer, Eu louco para gozar meus culhões dóia ai eu coloquei a safada de joelhos fiz uma espanhola com aquele peitão gostoso que a Laís tinha eu estava quase gozando e ela chupava e tentava engolir minha pica inteira, eu sentia que tocava na garganta dela ela lambia minhas bolas e batia uma punheta gostosa, eu não aguentei mais e gozei gostoso na cara da Laís mas foi tanta porra que acabou escorrendo nos seus seios ela me chupou completamente deixando meu pica limpinha.
Ficamos em transe trocando carícias, ela pediu para não contar a ninguém e disse que aquilo seria apenas o começo, daí ouvimos barulho de vozes era seu marido que a chamava querendo sua companhia.
Ela respondeu que estava no banho e saiu apressadamente mas antes me deu um beijo apaixonado e disse que esta teria sido a primeira de muitas, eu sorri e falei que estava sempre as ordens.
Esperei alguns minutos e voltei para piscina para que não percebessem minha falta demorei alguns minutos e entrei em casa para dormi quando passei na frente do quarto do meu primo ouço vozes era ela alegando que estava cansada.
Sorri pois tenho certeza que ela ficou foi mais larga por isto sua negativa.
O final de semana foi um dos melhores no dia seguinte o casal foi a cidade próxima comprar algumas coisinhas meu primo também foi e eu nem tinha levantado ainda quando Laís bateu na porta do quarto quanto eu fui abrir a porta. Olha que vejo Laís nua e sorrindo falou vim trazer seu café da manhã!
Segurei em suas mãos e levei até a cama já fui colocando ela de 4 e cai de boca chupando seu cuzinho pois meu café seria suas pregas envoltas da minha pica.
A safada no começo mexia e rebolava gostoso pois penetrei com calma e devagar mas quando me vi todo dentro dela soquei sem dó e só parei depois que gozei enchendo seu rabo com meu leite.
Eu não sabia se seus gemidos eram de dor ou prazer, mas só parei depois de gozar ai para completar ela gozou na minha boca ai ambos sorrimos e falamos por mais cafés da manhã assim.
Ela levantou-se ainda um pouco torta e foi para seu quarto. Só nos vimos perto do almoço na piscina mas meu primo já tinha voltado e o casal de amigos também vim embora no domingo a noite realizado e feliz pois tive a certeza que tinha conseguido uma amante do jeito que gosto de mulher que topa tudo e adora safadeza.
Passou-se uma semana eis que estou no trabalho e recebo uma mensagem no celular era Laís perguntando se poderia lhe dá uma carona para casa, pois seu marido estava viajando a trabalho.
-É claro que dei a carona mas antes de chegar em sua casa demos uma passada no motel foi apenas 3 horas de muito sexo. Pense numa casada carente e eu adorei satisfazer sua carência rolou sexo oral anal eu gozei gostoso na sua buceta ela me disse que evitava mas que seu marido sempre usa camisinhas vez ou outra precisa de um óleo diferente para lubrificar. É claro que estarei sempre disposto a ajudá-la.

Docecomomel
Instagram:Docecomomelcontos
Feira de Santana 11 de janeiro de 2018
Bahia Brasil.


sábado, 30 de dezembro de 2017

Meu Enteado Safado 2




Depois que vi meu enteado na maior safadeza com duas mocinha na minha casa e ainda com a porta do quarto aberta eu mudei o jeito de pensar e achei que teria direito de conversar com ele. Afinal é minha casa, mas não esperava a reação inusitada dele, pois tive a certeza que ele é muito safado, mas acabou tudo bem ou seja na cama.
Tiago é moreno tem 20 anos é estudante, mas faz cursinho eu esperei uma oportunidade de poder conversar com ele.
Esta semana meu marido iria ficar alguns dias fora, ai eu estava de recesso na faculdade logo na terça feira Tiago trouxe uma amiguinha eu apenas vi quando chegaram depois de pouco tempo os gemidos e antes de escurecer vi os dois saindo.
Caracas o menino não repete de gata foi o que pensei.
Esperei o dia seguinte e disse a Maria se Tiago aparecesse que ela dissesse que eu estava querendo falar com ele.
Na quarta feira de noite estava deitada no meu quarto quando alguém bateu na porta eu mandei entrar achei que fosse a Maria.
Quando eu vi era Tiago que estava muito bonito, de bermuda justa onde mostrava suas coxas grossas e também o volume de seu pau.
Oi Tiago tudo bem?
-Sim tudo bem Maria disse que você quer falar comigo?
-Sim Tiago entre serei breve eu quero apenas te pedir que seja mais cuidadoso com as amiguinhas que você traz aqui elas andam desfilando de calcinha pela casa e ainda vocês deixam a porta aberta do quarto.
 Ah entendi você está se incomodando porquê?
Por ver ou porque o coroa não dá no couro e você fica com vontade?
-Não seja arrogante eu e seu pai não tempos nada a ver com isto nossa vida não te diz respeito!
-Hum então deve ser você que quer também e o coroa não te satisfaz?
-Pode dizer se está com ciúmes das minhas amiguinhas, quer também?
Eu disse você está louco Tiago mais respeito viu?
-Eu estou no auge da minha juventude e quanto mais sexo faço mais quero fazer, pelo que ouvi aqui você está insatisfeita com o sexo morno com meu pai, então se acha no direito de interferir na minha vida.
-Tiago deixe de ser criança apenas pedi que tivesse mais sigilo em suas aventuras afinal não sou obrigada a praticamente assistir você transando durante a semana e ainda não fechar a porta do quarto, esta semana mesmo passei e vi você com suas duas amiguinhas!
-Eu fiquei pasma de ver o jeito que Tiago respondeu a meu comentário.
-Ah o que achou, as duas ficam me ligando pois disseram que adorou a surra de pica que receberam!
-E tenho certeza que você também iria gostar!
-Não seja petulante Tiago!
- Eu petulante veremos se você vai querer mais ou não, sem dizer mais nada Tiago fechou a porta do quarto e voltou para junto a mim e sem eu esperar me abraçou e com a cara de safado falou.
-Diga a verdade minha querida madrasta você está com ciúmes ou com vontade?
-Pode dizer pois sei que meu pai não anda te deixando muito satisfeita.
-Deixa de ser bobo Tiago me solte, senão eu vou falar com seu pai,
-Falar o que?  Que o filho dele te comeu gostoso?
-Pode falar a primeira coisa que ele vai fazer é dizer que você me provocou.
-Eu estava encurralada, senti seu cheiro másculo estava me deixando zonza, ai com um movimento Tiago segurou minha mão e botou em cima do sua pica dura.
Tentei soltar, mas ele pegou minha mão e ficou segurando para que eu ficasse alisando sua pica tesa sobre sua roupa, eu tentava me soltar mas ele bem mais forte que eu ria dizendo quando mais a gata e brava mais eu gosto.
Fui aos poucos perdendo forças ai ele rindo falou assim que gosto de dominar a mulher e só assim fazer com a gata o que eu quero e desejo.
Eu ouvi suas palavras e deixei de debater-me vi que não teria forças contra ele.
Ele me olhou sabendo que nada mais ia lhe fazer parar, eu pensei que fosse o que Deus quisesse, nem eu queria deixar escapar, esta chance que andava me consumindo meus pensamentos.
 Ele me segurou se apossou de minha boca com um beijo eu sem folego apenas correspondia me apalpava os seios e assim fui me rendendo aos seus carinhos, sentia minha xoxota umedecer, os bicos dos seios ficarem turgidos. Tiago segurava em meus seios depois com a boca foi descendo pelo meu pescoço, colo dos seios e mamou um a um mordiscando os bicos que estavam tesos ai foi descendo com a boca até minha barriga ai soltei um gemido alto...
Ele se soltou de mim fiquei aliviada ao mesmo tempo desconsolada, mas ele apenas foi fechar a porta me levou até a minha cama e me fez sentar na beirada em poucos minutos tirou suas roupas ficando apenas de cuecas ai veio até onde eu estava e colocou sua pica para fora e levou até a minha boca. Ainda em transe apenas olhei para ele que disse com uma voz suave...
Chupa minha safada sei que você está querendo!
Eu comecei a mamar bem gostoso me comportava como uma profissional do sexo, dava leves mordidas na ponta da sua pica antes de enfiar tudo na boca.
Foi quando Tiago enfiou a mão em minha calcinha e viu como eu estava meladinha de tesão, ai falou sabia que a cadelinha que você é queria tanto quanto eu.
 Ai me inclinou sobre a cama e começamos a fazer um 
Sessenta e nove (69) fenomenal, gozei em sua boca Tiago me chupou até provar a minha última gota ai depois se levantou com a pica tesa Tiago veio abrindo minhas pernas logo estava metendo sua pica inteira dentro de mim
No início foi aos poucos até perceber que estava inteiro dentro de mim começou socando com força na minha bucetinha enquanto ouvia apenas meus gemidos, parecia um tarado me comendo com muita força socava sem dó nem piedade apertava meus seios me dava tapas na bunda.
Foi ai que gozamos juntos Tiago chegou a suar de tanto tesão. Ficamos os dois quietos depois fomos tomar um banho e no box do banheiro Tiago me chupou e enfiava os dedos no meu preguinho e sorrindo falava você agora puta tem um amante não vai precisar ficar me vendo trepar com as amiguinhas pra se masturbar, eu nada respondi pois além de esta submissa a ele estava gostando de ter um macho viril e safado, me fodendo gostoso.
Quando Tiago e eu terminamos o banho voltamos para cama ele foi logo mandando eu ficar de quatro(4),como um tarado apertava minha bunda e falava rindo que a carne estava durinha que precisava que fosse amaciada, afastou as partes da bunda e começou a meter sua pica babada no meu rego, aff no começo ardeu mas logo que a cabeçorra passou soltei  um gemido mas fui me acostumando quando me dei conta ele já estava socando parecendo um cavalo montado numa égua metia e parava mordia minha orelha ,me estapeava a bunda socava pica inteira depois em seguida tirava e socava de uma vez  me fazendo gemer alto,
O safado mandava eu pedir mais, eu é claro pedia implorava para que continuasse me fodendo gostoso até que percebi sua pica se avolumar e em poucos minutos sentir seus jatos de esperma invadir minhas carnes.
Ficamos com a respiração arfando ai Tiago tirou a pica de dentro toda babada de seu leite ai veio sentou sobre mim e socou a pica na minha boca rindo falando que tinha que aprender a tirar leite de pau, que ele adora sentir a puta saboreando cada gota de sua porra.
E assim eu continuei chupando sua pica até que ele não resistiu, e entre uma chupada e outra explodiu sua porra em minha garganta.
É claro que eu continuei mamando com tanta sede, e saboreei cada gota de seu leite.
E foi a partir deste dia que me tornei amante do meu enteado que continuou safado trazendo suas amiguinhas, me fazendo ciúmes e na ausência de seu pai era meu amante começou até a dormi na nossa casa ou seja na minha cama.
 Quer dizer dormi não mas foder sim pois as noites sempre era de muito sexo. Eu continuo casada tendo como meu amante meu enteado que diga-se de passagem é muito safado me realiza como fêmea, me faz de sua puta e eu estou realizada e feliz.
Algo contra? Meu marido não aceita separar, já me deu carta branca para poder me distrair com outros machos mais jovens que ele disse me amar e quer me ver feliz. Não sabendo ele que já sou puta de seu filho e pelo jeito vou continuar sendo por muito tempo, pois pense num cara safado que adora trepar e eu estou amando sempre com novidade na cama.

Em breve volto a contar novas aventuras.
Este é meu último conto de 2017. Feliz Ano novo.

Docecomomel
Feira de Santana 30 de dezembro de 2017.
Bahia Brasil.
Visitem meus blogs

domingo, 27 de agosto de 2017

Trai por não suportar abstinência.


Olá meu nome é Alberto tenho 40 anos sou casado e até pouco tempo vivia bem com minha esposa e nunca havia á traído  desde que casamos. Mas minha esposa começou a frequentar uma igreja e isto mudou bruscamente nossa intimidade. Conversamos que isto nada tinha a ver com nossa intimidade sexual que sempre foi muito boa.
Não adiantou nada eu reclamar e exigir que voltássemos a ser aquele casal fogoso que de tudo fazia na cama, agora ela só fazia o tradicional papai e mamãe.
Mas Renata isto não está certo eu falei.
-Mas Alberto você tem que compreender que o pastor  foi bem claro falando nas aberrações que a maioria dos casais fazem, sexo é para procriar então contente-se Alberto.
-Está bem Renata eu entendo não vou exigir que você faça o que não aceita, mas também não me exija que eu seja celibatário, pois ainda tenho muito fogo e pau para queimar.
-Renata me abraçou e falou compreendo meu amor só quero respeito, se você sair com outra mulher seja discreto e continuaremos felizes como sempre fomos, me dê um tempo por favor!
Tudo bem Renata agora as sextas-feiras eu vou sair com os amigos da empresa apenas para relaxar em algum bar da cidade. Ela concordou pois enquanto eu ia para o bar farrear ela ia para igreja orar com as irmãs. Nada contra isto de minha parte apenas não satisfeito com o rumo que tomou nossas vidas.
-E assim eu comecei a sair com os amigos da empresa íamos a bares tomava todas e vez ou outra a farra acabava em algum motel.
Sempre conseguia alguma mulher para passar alguns momentos e o sexo livre e solto era bem aproveitado por ambos.
Mas entrou uma moça na empresa para estagiar. Logo m interessei por ela adoro mulher de bunda grande e Rosa tinha umas ancas enormes empinada que passou a ser cobiçada por todos da empresa, ela não dava bola a ninguém. Foi assim que todos do escritório saiu na sexta –feira para comemorar o aniversário de um colega.
Todos conversavam trocava gentilezas e tal ai o tempo foi passando e aos poucos quase todos iam embora.
A estagiária havia bebido um pouco estava mais conversadeira com todos ai foi perguntado quem iria dá carona a ela, como morava mais ou menos perto de mim então eu fui o escolhido para deixar a linda moça em casa.
É claro que atrapalhou meus planos que tinha intenção de sair à caça de alguma mulher para aliviar as tensões da semana e nada melhor do que com muito sexo.
Mas já nada podia fazer, saímos a colega entrou no meu carro sentou e ficou largada as pernas descobertas dava para ver as coxas linda que ela tinha. A saia mostrava quase tudo e ainda deu para imaginar como deve ser gostosa na cama.
E assim fui conversando com ela, que respondia em monossílabas, ai me perguntou se eu era casado e se vivia bem com minha esposa. Passei a relatar o drama que estava vivendo os 2 últimos anos de casado, ela lamentou e falou que tem mulheres que não compreendem que o sexo sustenta a relação do casal. Ai eu perguntei como era a vida dela?
Ela demorou um pouco a responder mas depois começou a falar que foi noiva e perto do casamento terminaram pois descobriu que o noivo era bissexual. Ela não aceitava isto então terminaram já quase 2 anos e depois disso só dedica-se ao trabalho.
-Ah entendo mas precisa arranjar alguém sexo é saúde é vida!
-Eu sei mas por enquanto não quero me envolver com ninguém!
-Mas poderia unir suas magoas as minha assim teríamos um ombro para apoiar o outro.
-Seriamos amigos e como dizem teria sempre um pau amigo, sem cobranças onde o principal seria o prazer de ambos.
-Eu nunca tinha pensado assim Alberto, mas agora que você me alertou vou pensar com carinho nesta hipótese.
-Me diga amanhã é sábado poderíamos ir jantar? Eu nem acreditei quando ela me perguntou isto.
-É claro que poderíamos ir jantar sim. Eu estava tão envolvido que se tivesse compromisso com o papa eu faltaria só para ter esta bela moça por algum tempo ao meu lado.
Deixei-a na portaria do seu prédio e fui embora, pensando radiante que com certeza no dia seguinte teria mais como cortejar a bela morena bunduda.
No sábado sai com esposa fazer compras, depois me barbeie fiz depilação nas partes intimas coloquei um pacote de camisinha na carteira levei a esposa na igreja aquele sábado teria uma vigília passaria a noite orando.
Então teria o tempo necessário só bastaria chegar em casa antes dela e assim as 20 horas estava na portaria do prédio esperando minha colega descer pois iriamos jantar e se desse certo dá uma esticada no motel.
Ela desceu linda cheirosa com sorriso lindo.
Pensei está no papo eu vou me dá bem com ela e de hoje não passa.
Abri a porta do carro para que pudesse entrar, fomos até um bom restaurante pedi uma garrafa de vinho conversamos muito foi aí que perguntei se tinha pensando sobre o assunto de ontem?
-Ah claro quer dizer que poderíamos ser amigos íntimos, sem cobranças apenas sexo ambas as partes nutrir seus desejos e fantasias?
-Exatamente linda tenho certeza que será ótimo para nós dois.
-Sei e onde seria nossos encontros?
-No motel é claro!
-Acho muito impessoal, mas hoje iremos a um motel quem sabe depois você terá acesso ao meu apartamento afinal moro sozinha!
-Hum delicia.
Caracas que delicia de mulher direta e objetiva se pudesse pular a parte do jantar eu iria direto para o motel, mas tinha que me manter fiel a cordialidade.
Já eram quase 22 horas quando saímos do restaurante, o vinho deu um calor. Nem perguntei em qual que deveria levar fui logo em um que já fui e acho as instalações boas limpas e higiênicas afinal tinha que agradar a princesa. Entramos fechei a garagem abri a porta do carro segurei em sua mão ajudando a descer e ali mesmo comecei a beijar ela.
Ah Alberto você está ein?
-Estou louco por você Rita desde que começou na empresa que sonho por este momento. E beijava dando liberdade para que retribuísse e assim a safadinha fez, nos beijamos e fomos entrando na suíte agarrados um ao outro.
Na passagem da porta segurei pelos braços e peguei-a no colo levando até a cama. Ali fui por cima e aos poucos fui tirando sua roupa até que ficou só de calcinha. Me afastei para apreciar, linda com a calcinha de renda vermelha bem sexy, ai tirei minha camisa e calça joguei longe e cai por cima da queridinha colega tesuda, cai de boca mesmo quando me aproximei com a boca de sua calcinha puder perceber como ela estava excitada a calcinha estava úmida, afastei a calcinha de um lado e meti a língua. Ela soltou um gemido alto, ai pronto eu me apossei de seu corpo por completo tirei a calcinha e chupei sua pepeka como se tivesse saboreando uma fruta adocicada. Rita gemia gostoso segurava em minha cabeça. Parecia que queria que eu entrasse pela pepeka ai ela gozou em abundancia, delicioso saborear cada gota de seu mel.
Mudei de posição e agora era ela que me proporcionava um delicioso boquete. A moça sabia das coisas, chupava deliciosamente, me fazendo estremecer quando cabeça da minha pica tocava em sua garganta, precisei me controlar ao máximo para não gozar de imediato.
Ai mudamos de posição. Coloquei-a de barriga para cima, entrelacei suas pernas em minha cintura e comecei a meter gostoso fazendo com que ela gemesse alto. Ai parava tirava a pica de dentro deixando só cabeça e logo em seguida metia com força, foi ai que ela pediu que a fodesse rápido e com força, metia sem pena ela acompanhava os ritmos acelerados de cada estocada que eu dava. Ai ela disse que queria cavalgar gostava de se sentir dona da situação. Ai eu deitei a safada começou a rebolar em cima de mim e ia descendo até sentar por completo na minha pica. Ficava cavalgando gostoso, eu socava de baixo para cima apertava sua bunda com as duas mãos, as vezes ela descia seu corpo sobre o meu eu podia mamar seus seios deixando-a com marcas de chupão.
Sorri e falei e para marcar meu território sua safada agora você é minha, gostosa puta.
Estava difícil segurar o gozo por mais tempo eu me segurava com todas as forças que tinha!
Mas ai a  safada acabou com as minhas forças quando durante a cavalgada subiu devagarzinho depois desceu rebolando e gemendo e no finalzinho desceu de uma vez fazendo com que minha pica tesa tocasse seu útero, foi uma enterrada tão forte eu  não conseguir resistir e gozei muito naquela pepeka gulosa!
Uau que gozada ela rindo falou. Fiquei desconcertado de não ter me controlado um pouco mais, ela não perdeu tempo caiu de boca deixando minha pica limpinha que não teve tempo de ficar mole, em instantes fomos para o banheiro e dentro do boxe a safada me pediu que a chupasse, Caracas ela toda gozada mas afinal o gozo era meu sem nojo e sem demora cai de boca lambendo sua pepeka que estava assada pela forma que fodemos há poucos minutos. Terminamos o banho e voltamos para cama Rita ficou de quatro(4) e sem perder tempo comecei a foder gostoso vez ou outra uns tapa nas ancas, um beijo e uma dedada em seu anel que estava receptivo a todos os carinhos.
Em pouco tempo a vontade o desejo de ambos então começamos a gozar, Rita gemia e gritava. Ficou quieta por alguns minutos foi ai que eu a virei de lado e comecei a pincelar minha pica em sua bunda em pouco tempo roçava em seu anel.
Ai ela de 4 na minha frente minha pica roçando de um lado para outro em sua bunda e com jeitinho eu fazia com que tocasse seu anel, ai não teve jeito abaixei dei uma boa salivada deixando-a toda meladinha e pronta botei uma camisinha e com jeito comecei a comer sua bunda. No início ela reclamou gemeu mandou ter cuidado, mas fui paciente e fui enfiando cada cm de minha pica sempre segurando forte em seus cabelos longos, eu me senti metendo numa potranca ai com a outra mão masturbava seu grelinho.
Eu segurando firme em sua cintura e puxando seu cabelo, metia com força quase que até os bulhões entrava também. Parei com a pica toda enterrada segurei em seus cabelos forçando a gemer e recomeçamos freneticamente a mexer nossos corpos causando um barulho que ecoava pelo quarto inteiro.
Parecia que não íamos parar nunca mas logo não demorou e ela gozou gostoso, Soquei o máximo possível para lhe proporcionar muito prazer ai depois de sentir suas pregas latejar muito apertando minha pica. Eu parei dei um beijo nela e falei agora putinha aguenta que teu garanhão vai gozar, E então vi que ela prendeu a respiração quando eu segurei firme em seus quadris e comecei a socar com força sentindo seu corpo indo e vindo no balanço do meu. Mas eu a segurava com firmeza ela se abaixava para que minha pica entrasse até o talo ai depois de alguns minutos explodi em um gozo intenso. Rita ficou rebolando com minha pica encravada em sua bunda eu caprichei com os dedos e ela gozou novamente.
Caracas que mulher um vulcão já gozou umas 5 vezes. Ai minha pica amoleceu tomamos banho ficamos descansando relaxando até chegar a hora de eu ir embora. Levei-a até sua casa e nos despedimos como casal de namorados.
Nosso pacto é sexo livre sem neuras e ciúmes e por enquanto manter sigilo.
Sei que vai ser difícil vê-la e lembrar como é gostosa e fingir que é apenas uma colega de trabalho. Mas em nome dos bons costumes farei isto afinal quem come e guarda come outras vezes. Nunca tinha sequer imaginando de ter uma amante mas agora ficou marcando os dias e hora de poder tê-la em meus braços.
Ai vocês dizem e a esposa?
Ela vai bem se contenta com uma foda por semana ainda mais no papai e mamãe e pronto.

Até a próxima.

Docecomomel (hgata)
Instagram :docecomomel 2011
Feira de Santana, 27 de agosto de 2017.
Bahia e Brasil.

domingo, 20 de agosto de 2017

Minha 1ª traição foi com um novinho da Web.





Olá eu sou Marcela tenho 30 anos completados agora neste mês de agosto, sou casada e como muito sabem escrevo contos eróticos.
Entre postagens de contos em sites e blogs, uso muito as redes sociais para divulgar e num destas redes acabei conhecendo um rapaz, que por coincidência é baiano assim como eu.
Seu nome é Alexandre, segundo ele afirmava ter 23 anos e trabalha com criações de sites ou seja é um programador e web designer. Através do interesse em saber sobre a origem dos meus contos fomos conversando no dia a dia até que nos tornamos amigos com conversas diárias via online. Para um entrosamento foi algo rápido e fácil, acredito por ser gentil e todas as manhãs sempre me deixava um bom dia. Ao contrário de muitos que são arrogantes e logo querem enviar nudes, tolos que acham que mulher quer é ver fotos de seus membros e não sabem cativar a mulher.
O tempo foi passando e o desejo de nos conhecer foi aumentando, ele não sabia como eu era nem eu sabia como ele era apenas por dados passados um ao outro. Mas a expectativa foi criando uma ansiedade até ponto de querermos nos conhecer.
Mas apesar de morarmos no mesmo estado a distância nos impedia, além de eu ser casada, mas com conflitos entre eu e meu marido que estávamos a um passo da separação, tudo continuava entre conversas virtuais até que uma sobrinha minha me chamou para fazer uma viagem pois a mesma iria fazer um concurso. Topei afinal seria um final de semana para conhecer um lugar que eu sempre desejei visitar. Assim nos arrumamos para viajar na quinta feira pois seria um final de semana prolongado. Um dia anterior a nossa viagem conversei com meu amigo dizendo que iria ficar ausente, ele procurou saber para onde eu iria e quando eu falei o destino ele ficou radiante pois seria cidade onde ele mora. Assim marcamos de nos conhecer eu concordei mas não tinha ideia que isto poderia ir além de uma amizade saudável então na noite de sexta-feira quando minha sobrinha falou que iriamos sair para jantar eu concordei e disse a ela que tinha marcado com um amigo de nos encontrar, assim eu passei o endereço do local onde iriamos.
-Ela sorriu e disse amigo hein tia cuidado para não se apaixonar esse pessoal daqui e muito paquerador. Fomos para a orla fluvial e fomos até um restaurante onde é servido comidas típicas. Minha sobrinha e seu noivo começaram a dançar um forró música tradicional da época do ano e eu fiquei ali na mesa a cada pessoa que entrava meus olhos ansiosos cintilavam na esperança de ser o Alexandre. Foi assim que desviei minha atenção da entrada fiquei observando os casais dançando até que percebi um homem parado ao meu lado, quando ele disse boa noite Marcela meu coração disparou achei que ia desmaiar, pois a emoção foi imensa, levantei nos cumprimentamos com beijo na face o convidei a sentar-se; assim começamos a conversar ele disse que eu era bem mais bonita do que na foto e eu também disse que o achei bem simpático e seu corpo era bem diferente do que na foto.
Rimos muito ele pediu uma garrafa de vinho e ficamos conversando, logo minha sobrinha voltou a mesa com seu noivo eu os apresentei e ficamos conversando como se fosse um casal de enamorados, Alexandre segurava em minha mão e volta e meia dava um beijo, algo simples mas um gesto muito carinhoso. Já se passava de 21 horas quando o noivo de minha sobrinha chamou par ir embora, logo minha sobrinha disse que não era preciso eu ir que poderia ficar mais um pouco com meu amigo. Alexandre dividiu a conta e falou que queria me levar para conhecer um lugar muito bonito. Assim minha sobrinha saiu e eu fui com Alexandre conhecer uma parte da orla onde tem uma praça que leva até um píer onde casais ficam observando as luzes da cidade e da Lua refletida no rio.
Lindo lugar começou a ventar um pouco senti frio, mas Alexandre me abraçou o calor de seus braços me aqueceram, mas a excitação da proximidade de seu corpo me excitava os pelos dos meus braços estava arrepiados.
 Foi ai que Alexandre me falou assim Marcela você está feliz com seu casamento? Seja sincera!
-Bem Alexandre até há pouco tempo eu me considerava feliz, mas depois que algumas coisas aconteceram entre eu e meu marido sinto que mudou muito e nossa intimidade é algo mecânico você entende?
 Entendo e dizendo isso ele me segurou pela mão e saímos andando em direção ao píer que era próximo de onde estávamos, foi ai que ele falou então Marcela porque não me dá uma chance?
-Mas Alex você é bem mais novo que eu!
-Sim eu sei mas o que sinto por você não tem nada a ver com idade sinto atração carinho e muito tesão.
E com movimento fez com que minha mão passasse sobre seu membro que estava bem teso.
-Alex eu gritei e tirei a mão rapidamente e falei estamos em um lugar público.
-Eu sei mas podemos ficar só nos dois em algum lugar mais discreto o que você acha?
-Bem eu não sei Alexandre, tenho medo nunca sai com outro homem além do meu marido.
-Entendo Marcela mas sempre haverá uma primeira vez.
-E sem me dá tempo para responder Alexandre me deu um beijo na boca, fui pega de surpresa mas eu não me afastei e assim ficamos igual casal de namorados nos beijando, fiquei sem reação já sentia minha xoxota meladinha, seu pau latejava encostada a minha púbis.
Me dê esta chance Marcela por favor!
Está bom Alexandre vamos para algum lugar sossegado. Eu falei era notório que eu queria tanto quanto ele.
-Podemos ir até minha casa meus pais estão no sitio mesmo. A casa este final de semana é só minha.
-Sem perder tempo tomamos um taxi e fomos até a casa de Alexandre, ele mandou parar na frente da casa pagou a corrida abriu o portão e entramos.
-Não repara não Marcela eu sai hoje cedo deixei tudo fora do lugar minha mãe já reclama mas hoje ela não está aqui.
Entendo Alexandre...
-Foi ai que ele perguntou se eu aceitava uma taça de vinho.
-Aceito sim estou um pouco envergonhada. Quero tomar coragem
Ligeiro ele trouxe duas taças de vinho me chamou para sentar no sofá e ficamos bebericando, logo já estava fazendo calor ele tirou a camisa, aí percebi que não tinha pelos no abdômen, mas até que era atlético, ele conversava sempre com a mão em minha perna. Ai Alexandre levantou colocou uma música e me tirou para dançar, a música suave em poucos minutos estávamos no beijando, Alexandre se apossava de minha boca com volúpia eu me arrepiava o corpo inteiro, ai quando paramos de dançar no meio da sala Alexandre baixou as alças de minha blusa, e tirou-a jogando longe, logo em instantes Alexandre começou alisar meus seios que já estavam com os bicos eriçados, logo a saia também foi tirada ele se afastou para poder apreciar-me seminua. A calcinha preta de renda destacava em meu corpo moreno, Alexandre fez um assobio de fiu fiu que fiquei envergonhada ai ele disse bobinha estou te achando deliciosamente linda e gostosa. Ai foi minha vez de ajuda-lo a tirar suas roupas, já estava sem camisa abri o cinto e fui puxando sua calça jeans minhas mãos estavam tremulas. Quando terminei de tirar a calça ele me ajudou a tirar a cueca boxer, Caracas que tesão quando eu vi seu cacete senti que minha boca encheu de agua. Alexandre tinha 1,70 de altura moreno nem gordo nem magro acredito que deva pesar 83 kg e um membro de 21 cm, grosso cabeçudo estava tão teso que fazia um curva para cima. Ai pronto nada tínhamos a esconder um do outro mais. Fomos tomar um banho e no banheiro mesmo, Alexandre me chupou embaixo do chuveiro onde lhe ofertei meu primeiro gozo em pouco tempo ambos já não tinha mais vergonha de nada quando me ajoelhei e comecei a pagar um boquete Alexandre fechou os olhos e com uma das mãos me ajudava movimentando minha cabeça de um jeito tão gostoso que eu conseguia engolir quase seu cacete inteiro.
As vezes engasgava, mas a saliva escorria pelo canto da boca ai eu parava e recomeçava novamente ai Alexandre disse que já estava quase gozando me perguntou onde eu queria
A resposta foi que eu queria entre os seios... Ele socou um pouco mais na minha boca depois tirou o membro teso latejando e com movimentos nas mãos tipo se masturbando começou a gozar explodindo com fortes jatos de leite pelos seios meu rosto.
Foi o nosso primeiro momento de muito êxtase, terminamos o banho e fomos para seu quarto. Alexandre nem se deu o trabalho de fechar a porta, ele me levou no colo me colocou na cama, começou a fazer carinhos com a boca, um verdadeiro banho de gato eu me contorcia na cama, ai começamos a fazer um sessenta e nove (69) delicioso, Alexandre por baixo eu por cima, segurava sua pica latejando me chupava muito fazendo gemer gostoso enquanto ele me chupava inteira sua língua morna percorria minha xoxota e com muita safadeza me dava umas lambidas no meu anel (cú)* que eu estremecia de tesão.
Gozei deliciosamente em sua boca, ele esperou eu me recompor do êxtase me pediu para ficar de quatro (4) veio e ficou de joelhos atrás de mim e segurando sua pica com um movimento  de seu corpo para frente me penetrou, Caracas meteu com tudo  a força e vigor de sua pica me fez gemer alto afinal, sua pica era bem grossa e cabeçuda , ele pediu desculpas ficou alguns segundos sem se mexer depois começou com movimentos, socando forte nossos corpos se batiam que ouvia-se o ecoar  pela casa inteira,ficamos um bom tempo em um bailar sensual onde o final da dança era o orgasmo final.
Teve momentos que ele tirava a pica inteira de dentro de mim deixando só a cabeça e socava de vez, eu gemia parecendo que estava urrando, meus gemidos eram de puro tesão mesmo, ele alisava minha bunda laceava meu cuzinho me fez todos tipos de carinhos possíveis a provocar um grande êxtase. Fiquei enlouquecida tive vários orgasmos.
Quando Alexandre não estava aguentando mais explodiu em um intenso gozo meu corpo estremecia com as sensações que ambos estávamos sentindo. Foi algo fenomenal.
Ficamos abraçados na cama conversando, foi que vi que já era tarde telefonei para minha sobrinha dizendo que nos veríamos no café da manhã na pousada. Depois que desliguei Alexandre sorriu ainda bem Marcela que vamos ficar o resto da noite juntos...
Levantamos fomos tomar um banho sem parar os carinho e no boxe do banheiro Alexandre ficou me esfregando o corpo inteiro ai o tesão já tomava conta de nós dois, foi ai que Alexandre me ensaboando com a pica duríssima falou: "-Como eu gostaria de comer esse cuzinho!".
E eu lhe dei a resposta com um sorriso sacana: "Ué, por que você não come!?"
Alexandre pensou que eu estava de brincadeira, mas foi aí que eu disse: "-Vem e faz gostoso e devagarinho. Se doer você tira, está bom?"
O meu tesão foi ao extremo. Ele pensou que eu estava de sacanagem.
Ai Alexandre me pediu para me apoiar na parede e ficou esfregando sua pica que já estava babando, ele me ensaboou foi até o armário pegou uma camisinha e depois de colocada se posicionou-se atrás de mim, deu uma salivada no cuzinho ambos parecendo que era a primeira vez em fazer sexo anal, meu medo era o tamanho da cabeça da pica, mas já lubrificado Alexandre encostou e foi empurrando aos poucos até que cabeça entrou eu gemi, ele falou calma minha princesa que vou ter cuidado, deu mais uma metida e foi a metade da pica para dentro, ai ele gemeu e disse Oh coisinha gostosa, como é apertado princesa...
A cabeça entrando e sentindo o atrito, parecia que minha pregas iam explodir.
Depois de muitos carinhos ambos bem relaxados eu senti que Alexandre forçou mais um pouco e finalmente a pica estava enterrada até o fim.
"-Oooooh delicia ele!" exclamou:
"-Que delícia de pica Alexandre eu falei aí eu sentia mesmo a pica latejando dentro de mim.
 -Ai ei falei se eu soubesse que traí era tão gostoso não tinha perdido tanto tempo de minha vida!
Ai Alexandre falou ainda temos tempo de recuperar o tempo perdido minha princesa!
E recomeçamos a sacanagem ele dava umas estocadas com calma e eu rebolava mais ainda.
Sentindo-o por completo ambos atracados foi ai que dei mais uma rebolada gostosa, Alexandre deu umas 4 estocadas sucessivas não aguentamos mais (afinal não somos de ferro) e ele explodiu em um gozo intenso quase estourando a camisinha eu sentia seus espasmo de gozo.
Ele gozou feito um cavalo.
Eu rebolei forte e forçava o corpo contra o meu.
Foi uma loucura.
Afinal, também era a primeira vez que ele comia meu rabinho.
Ufa que delicia nossa respiração ofegante era o sinal do clímax que ambos estávamos sentindo.
Ficamos atracados por um bom tempo ai vi que já era tarde fomos tomar banho pois precisava ir embora logo bem cedo, amanhecemos o dia eu fui para pousada cansada mas bem leve eu e Alexandre no entendemos, ficamos triste por nos separar durante o dia mas tivemos a certeza que o final de semana estava apenas começando. E seria muito bom.

Docecomomel

Feira de Santana.20 de agosto de 2017.Bahia Brasil
Meu Instagram.Docecomomel2011

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Vizinhos e Amantes:



O que vou relatar aconteceu com um amigo meu, ele e eu somos eletricistas e fomos fazer um pequeno serviço de instalação na casa de uma vizinha sua, quando lá chegamos para fazer o tal serviço a irmã da vizinha abriu a porta e assim que entramos a dona da casa que se chama Rita estava saindo do banho em trajes íntimos.
Então a pegamos de surpresa sem querer não tivemos culpa nos mandou entrar assim fizemos eu fiquei na minha mas já prevendo que com meu amigo e sua vizinha as coisas seriam diferente eu já fiquei desconcertado pois ele já tinha comentado comigo que tinha o maior tesão por ela, mas a vizinha era casada e que ainda não rolou nada porque a esposa dele dava maior marcação.
Então fiz meu trabalho e fui embora deixando ele se desenrolar com o termino da instalação.Na minha saída ele já sinalizou que as coisas iam terminar de uma forma diferente que depois me contava. Se não fosse aquele dia seria outro afinal moram na mesma rua.
Eu que sou casado já imaginei o que meu amigo eletricista ia aprontar para se desculpar em casa para voltar outro dia na casa da vizinha. Ainda mais do jeito que ficou animado depois que viu a vizinha em trajes íntimos.
Este meu amigo se chama Marcos é casado é negro já com 40 anos e tem um fogo que não pode ver um rabo de saia que já fica assanhado.
Os amigos mais íntimos dele o chamam de pé de mesa, ai vocês devem deduzir o motivo deste apelido. Como eu sou frequentador de sua casa outro dia em conversas sua esposa brincando falou que não sabia como é que seu marido tinha tanto tesão pois quer fazer sexo todo dia.
Que se ela o satisfazer ele ainda quer mais de uma vez, isto desde que se casaram há 15 anos.
Pois depois do desabafo dela caímos todos na risadas, foi aí que Marcos disse que não tinha culpa-se gostava tanto de sexo. Sua esposa disse que quando ele era solteiro tinha fama de pegador e que onde moravam antes de casar no interior ele já tinha passado a pica em quase todas as moças da cidade pois a fama do apelido Pé de mesa corria pela cidade inteira.
-Foi ai que Marcos falou eu não tinha culpa colega se todas queriam ver com seus próprios olhos, então eu aproveitava dizendo que só ver não podia e sempre acabava acontecendo alguma diversão extra.
Ai eu pensei na certa a vizinha que era casada estava curiosa também para saber como era o Marcos pé de mesa. Ele terminou o serviço deixando tudo no lugar e quando foi se despedir da dona da casa sua vizinha lhe passou um cartão e dizendo se por acaso tivesse algum problema elétrico ou similares que poderia telefonar que ele viria atender.
Na despedida demorou-se segurando a mão de sua vizinha que se chama Rita e foi-se embora sentindo um aperto no coração pois faltou-lhe coragem de xavecar sua vizinha a mulher que lhe encantava em suas manhãs quando saia para trabalhar e ela sempre estava varrendo sua calçada com roupas curtas e justas, bem provocantes.
Mas como Marcos me relatou depois ele era filho de Deus e não ia ficar sem realizar sua vontade de passar alguns momentos com aquela vizinha tesuda que sempre estava presente em seus momentos de sexo solitário 5 a Um. Naquela tarde de sábado sua esposa saiu para visitar uma prima que estava internada, ele chegou do trabalho tomou um banho vestiu uma bermuda e ficou tomando uma cervejas para almoçar. Sua esposa tinha pressa o horário de visita era curto, como ele estava bebendo sua esposa foi com sua irmã.
E assim Marcos ficou à vontade tomando sua cervejinha ouvindo umas músicas. Estava sentado em uma mesa na garagem de sua casa, quem passava na rua tinha total visão de sua casa pois era com muro baixo e grades.
Marcos estava bem à vontade bebericando sua cerveja, estava tranquilo até que sua vizinha passou e o viu e chamou Oh seu Marcos queria falar com o senhor.
Oh Rita do que se trata? Mas não me chama de senhor não.
-Está bom Marcos é que eu precisava colocar um chuveiro no meu banheiro que o outro queimou.
Pode ser após ao almoço?
-Claro Marcos é até melhor pois o marido está trabalhando e só chega de noite...Já inaugura o chuveiro. Marcos disse que já iria só ia terminar sua cerveja.
-Oh Marcos desculpa atrapalhar sua folga você toma cerveja lá em casa só assim eu tomo um copo. Imediatamente o Marcos apressou-se já imaginando como iria abordar o assunto.
Chegou chamou na porta a Rita apareceu mandou entrar e foi pegar o chuveiro, ele olhou pegou o material necessário e foi colocar, estava colocando o chuveiro quando viu uma calcinha de renda pendurada no banheiro. Não resistiu pegou a calcinha e viu que estava úmida nos fundilhos, ai com movimento levou até o nariz e começou a sentir o cheiro da sua vizinha Rita.
Não demorou ele estava excitado imaginando como era gostosa e como deveria ser cheirar a xoxota em vez da calcinha.
Foi pego de surpresa por Rita com sua calcinha na mão.
-Marcos o que faz com minha calcinha na mão?
-Eu não vou inventar nada Rita nem vou mentir, estava aqui sentindo seu cheiro e imaginando como você deve ser gostosa na cama.
-Marcos eu sou casada!
-Sim Rita eu também sou, mas isto não me impede de sentir desejos e eu sinto uma tara muito grande por você.
Você me deixa louco Rita eu durmo e acordo pensando em você, quando você passa na porta da minha casa rebolando a minha vontade é de te pegar a força, está quase impossível esconder este desejo que tenho sobre você.
-Nossa Marcos nunca ninguém me disse assim que tem tanto desejo por mim como você está me dizendo agora, até meu marido tem dias que fazemos sexo eu sinto que ele faz como uma obrigação algo mecânico você entende?
Ele é um trouxa de não tratar você como uma rainha pois assim que sinto que você merece ser tratada.
Rita ficou sem palavras quando ouviu a declaração de Marcos, este aproveitou que ela estava bem perto dele abraçou-a e falou Rita mata esta minha vontade de ter você só assim fico feliz.
-Mas Marcos somos casados! Sim somos mas eu não quero que você separe de seu marido apenas quero tê-la por alguns momentos e assim te deixarei em paz.
Você me provoca! -Nunca tive a intenção de te provocar Marcos.
-Eu sei que não era intenção sua, mas acontece e sempre vai acontecer é agora a hora de você decidir.
-Sem dizer uma palavra Rita pega a calcinha das mãos de Marcos e diz então se quer uma calcinha minha Marcos que seja a que estou vestida agora, pega ela para você.
-Marcos sem querer acreditar abraçou ela e disse... ah Rita como estou feliz por este momento...Aí ele perguntou a ela se a porta estava fechada. Sim está tudo trancado Marcos agora só eu e você.
Marcos tirou o vestido dela e começou a mamar seus peitos ela ajudou ele tirando sua roupa ai ficou ele de cueca ela de calcinha. Quando Marcos foi se baixando e ficou ajoelhado na altura de sua xoxota viu uma mancha de umidade na calcinha ai falou está vendo sua vadia que você me quer o tanto que te quero você está toda melada. E sem dizer mais nada afastou a calcinha para o lado e começou a chupar a xoxota dela gulosamente. Rita se apoiou na parede para não cair e começou a gemer em pouco tempo começou a gozar, Marcos metia a língua com vontade saboreando cada goda do seu delicioso mel. Ai Marcos parou por alguns minutos e levantou Rita vendo do jeito que ele estava começou alisar a picona dele depois abaixou a cueca e ficou abismada do tamanho da pica de Marcos e exclamou!
-Nossa Marcos tudo isso?
-Sim tudo só para você sua vadia chupa ai gostoso chupa!
-Não sei se vou aguentar parece um cavalo de tão grossa que é tua pica, -Ele rindo respondeu aguenta sim safadinha com jeitinho ela entra fácil, chupa tesuda que quero ver se você e boa de boquete.
Rita segurou a pica de Marcos deu uma lambida na cabeça e foi chupando e ambos gemendo até que ela já metia metade da pica na boca, ele segurava eu seus cabelos e ajudava forçando cada vez mais a pica dentro de sua garganta, mas ambos tinha que acelerar pois o tempo passa rápido logo ele mandou ela parar de chupar pois queria gozar gostoso na sua xoxota ai Rita falou ai meu Deus você vai me arrombar.
-Nada minha querida safada vou meter gostoso e você vai é pedir mais, foi ai que Marcos fez com que ela se apoiasse na parede e com jeito foi metendo, ela começou a gemer dizendo que estava doendo ai Marcos falou melhor na cama, ai não teve jeito ela segurou na mão dele e foi levando até o quarto. Ela foi para o meio da cama ficando de 4 ele ficou em pé ao lado da cama com a pica envergada para cima e puxou-a a seu encontro e falou:
Venha safada vou te mostrar como é que se fode não sou fraco como corno de teu marido. Quando Rita começou a senti a pica enorme na entrada de sua xoxota falou ,  Marcos você vai me machucar com esta sua pica e grande demais ...e ele dando risada falou não amorzinho terei cuidado com você sei que é grande afinal e por isto que meus colegas me zoa me chamando de Marcos pé de mesa , foi puxando para ficar na mesma altura de sua cintura, ai com firmeza Marcos segurou em seus quadris e alisando sua bunda foi colocando a cabeça de sua pica na entrada da xoxota forçando e Rita soltou um gemido alto ,ele sempre alisando fazendo carinhos mas  sem deixar espaço para ela escapar empurrou tudo para dentro.
Ai só escutava os gemidos de Rita, aí Marcos você é um tarado você está me arregaçando toda!
Dava para pensar que ele estava forçando, mas nada em poucos minutos ouvia ela pedindo para fazer ela gozar gostoso.
Me fode delicia em pouco tempo só ouvia-se urros de luxuria e tesão. Marcos fodeu Rita de tudo quanto foi jeito, a safada nem se preocupava que os gemidos de ambos poderia ser ouvidos pelos vizinhos foderam muito até ele explodir e gozar muito.
Quando foram fazer anal Rita escandalizou dizendo não que ia doer, ele safado só mandando   ela relaxar quando ela se deu conta já estava com a pica toda atochada e rebolando como uma vadia até ele encher o rabo dela de esperma que chegou a escorrer pelas pernas. Ambos saciados Marcos saiu de tardezinha mas com a certeza que agora tinha uma amante e se dependesse deles nunca mais iria bater punheta porque o que tinha de gostosa tinha de safada, pois a Rita é destas mulheres que é na rua uma dama e uma puta na cama.
Sorte de Marcos que agora vai está sempre presente nas horas vagas para saciar seu desejo por Rita uma vizinha bem safadinha gostosa e boa de cama.
E depois de alguns dias passados o Marcos me convidou a realizar um velho fetiche dele que era fazer uma DP, perguntei se a Rita topava mesmo ele ficou depois de me confirmar. Eu depois de ouvir todo relato do Marcos nesta aventura fiquei super. excitado e vou topar quero saber se a Rita é gostosa mesmo como meu amigo Marcos pé de mesa falou...

Docecomomel
Meu Instagram ==>>docecomomel 2011
Feira de Santana,09 de agosto de 2011.
Obrigada por ler.

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Corno Assumido

C

Corno Assumido

Eu sou o Roberto sou casado com Sara uma morena muito bonita e gostosa.
A Minha esposa é um pouco alta quando sai comigo e usa saltos ficar bem mais alta que eu chama muito a atenção mesmo ela tem 1.68 e 58 kg, cabelos longos, olhos pretos com seios médios e firmes.
Ainda não temos filhos. Vivemos bem minha casa é espaçosa tenho uma área gourmet onde sempre em finais de semana reúno amigos e alguns dos colegas de trabalho.

Eu sou representante comercial e viajo sempre durante a semana.
Algumas das vezes que faço churrasco minha esposa está sempre presente, mas quando são os colegas do trabalho eles não gosta muito, pois diz que só conversamos sobre futebol e mulher.
Então ela faz todos os preparativos e fica dentro de casa. Só vez ou outra aparece cumprimenta o pessoal e se recolhe.

Mas a semana passada eu convidei três amigos um deles trouxe sua noiva, ai minha esposa ficou mais tempo junto com a gente.
Mas depois que o colega foi embora com sua noiva ela pediu licença e disse que ia assistir ao programa do Luciano Huck.
Ai acabou o copo descartável eu chamei minha esposa Sara devido ao som alto ela não ouviu ai eu falei que iria buscar como eu estava assando carne o colega Aldo falou deixa que vou buscar!
De boa o deixei entrou demorou um pouco.
Depois terminou a salada vinagrete, ai pediu que o Aldo fosse pegar na geladeira, ai desta vez ele foi e demorei eu já fiquei cismado, mas nada disse afinal sempre confiei na minha esposa.
Assim o tempo ia passando quando a cerveja do cooler estava acabando Aldo se ofereceu para ir buscar,
Beleza Aldo pode ir, mas eu fui atrás sem fazer barulho e quando meus olhos avistaram os dois quase eu caio de costa.
 Minha esposa em pé apoiada na geladeira e o meu colega Aldo dando maior beijo nela, ainda apalpando os seios.

Caracas eu sou corno e não sabia perdi meu rumo já ia fazer escândalo quando percebi que tinha ficado excitado com a situação.
Fiquei quieto e tentando ouvi o que falavam até que ela respondeu que quando soubesse da próxima viagem minha mandava mensagem.

Ah safada, mas uma safada gostosa.
-Ai eu voltei para a churrasqueira fiz como se tivesse ido ao banheiro logo Aldo aparece observei ele estava com cacete com uma meia ereção.

Ai todos conversando eu peguei celular e fiz uma ligação mentirosa era pra um numero meu mesmo e fingi está conversando com algum cliente.

Depois de passado algum tempo desliguei o celular e falei é amigos nem bem cheguei de viagem já vou zarpar segunda-feira cedo.
Todos sorriram Aldo logo falou que só iria viajar na quarta-feira, pois o roteiro dele é mais distante.

Terminamos o churrasco os amigos foram embora tomei um bom banho para tirar os vestígios da bebida depois fui ficar com minha esposa. Ela estava linda com vestido longo bem fino sem soutien só com uma calcinha vermelha atolada no rabo.

Abracei-a e beijei com muito carinho ai fomos para o quarto e transamos muito gostoso.
Quando eu estava metendo nela e lembrava que ela podia esta dando para o meu colega sentia um tesão tão grande, ai metia com mais força e vigor teve um momento que ela até falou que eu estava super tarado naquele dia.

Sorri e falei com uma potranca igual a você minha deusa até os mortos ressuscitam e tome pau pra dentro da buceta gulosa.

Gozei como nunca naquela noite. Quando fizemos anal até parecia que era a primeira vez foi maravilhoso senti suas pregas apertando meu pau.
No domingo saímos para almoçar fora só transamos de tarde a noite fomos dormi cedo.
Na segunda cedo levantei arrumei minha pasta me despediu dela peguei o carro e sai.
Era umas 7.30 fui até um estacionamento onde sempre deixo meu carro, estacionei e peguei um taxi e voltei para casa.
Logo avistei o carro de Aldo parado a poucos metros de minha casa.
Pensei acertei no meu palpite.

Entrei pelo portão lateral e fui andando silenciosamente até o jardim de inverno onde tem uma imensa porta de vidro.

Meu coração batia aceleradamente ai ouvi vozes, e gemidos foi aí que fiquei na duvida se deveria prosseguir. Então senti um  nó na garganta e falei para mim mesmo seja o que Deus quiser.
Avistei-os Aldo e minha esposa ela só de calcinha e ele de cueca boxe.
Eles beijavam-se apaixonadamente até foram para a cama, ele a fez ficar deitada e foi por cima beijando-a e seus lábios iam descendo pelo seu corpo, parou nos seios e mamou eles com intensa gulodice, fazendo-a gemer e puxá-lo pelos cabelos.
-  Aí ele foi descendo com a boca só parou em sua virilha com imensa gulodice abocanhou a buceta de minha esposa,ela gemia se retorcia de tesão,eu tentava me controlar,mas meu pau estava parecendo um porrete de tão duro.

 E eu procurava explicação porque sentia tesão em ver minha esposa sendo fodida por outro homem, minha cabeça não raciocinava, até que a ficha caiu “Caracas eu sinto prazer em ser corno então eu sou um corno manso assumido”.

Ai eu vi quando Sara explode em um gozo intenso na boca de Aldo.
Ele sugava que dava para ouvi os estalos de seus lábios, aí ela se aquietou ele levantou-se e ficou parado junto à cama,

Sara com cabelo desalinhado um sorriso nos lábios falou... Nossa amor você quase me mata desta vez de tanto gozar.
-Estava com saudade da minha putinha safada.
Ai ela o puxa pela cueca e abaixa ai surge um pau de aproximadamente 21 cm ela abocanha chupando com muita gulodice, depois chupava os culhões e a boca de Sara ia do inicio ao fim do cacete do cara, até que ele segura em seus cabelos forçando-a a ficar de boca aberta.

Ele fudia com força tinha momentos que batia no rosto dela ela gemia a saliva escorria pelo canto dos lábios ela só sendo fodida na boca como uma puta vadia,Sara fazia coisas que até então neste cincos (5) anos de casada nunca fez comigo.

Aí ele começou a gemer e explodiu em um gozo intenso na boca de Sara que muito da safada engoliu tudo.

Jamais ela bebeu meu esperma, mas como o amante estava fazendo naturalmente ai ele tirou seu pau ainda pingando deitou por cima dela e com força começou a meter nela, fizeram uma infinidade de posições ai eu não agüentei e gozei sem nem tocar no meu pau.
E ligeiro Aldo gozou na buceta dela, a safada gritava dizendo que ele era o homem da vida dela e ele sem dó socava violentamente quando botou ela de quatro era cada metida um tapa na bunda ela gemia que parecia uma cadela no cio.
Ai ambos gozaram e se aquietaram um pouco depois foram até o banheiro e logo os dois voltaram enrolados em toalhas e foram para cama novamente.

Conversavam se beijavam os dois muito a vontade parecia que a casa era dele, aí ele perguntou quando o corno (eu) ia voltar ela sorrindo disse que voltaria a noite.

-Hum então hoje ele encontra a mulherzinha dele arrombada rsrssr!
Ai fiquei ouvindo eles conversando tirei a cueca me limpei vesti a roupa novamente,só observando eles conversando quando ele perguntou se o corno nunca desconfiou de nada?

-Não e se ele desconfiar ai peço logo o divorcio pelo menos vou ter minha liberdade!
-Ah não safadinha assim a adrenalina é melhor!
-Ai voltaram a transar Sara começou a cavalgar no pau de Aldo que forçava de cima pra baixo e entrava tudo.
Aí eu nada podia fazer mais nada não me consolar, pois tive certeza que sou um corno e gostei. Foi quando eu saí de casa e chamei um taxi só voltando para casa à noite.

Só agora percebo o real motivo da fisionomia cansada da minha esposa que sempre me alegava não ter dormido devido à enxaqueca.

Deixei minha vida seguir o rumo natural das coisas continuava fazendo meu churrasco com os amigos e um deles agora amante da minha esposa e fui dando corda as minhas fantasias e Sara começou a ser mais participativa estando sempre entre os meus amigos.

Quando um dia que iria fazer um churrasco percebi minha esposa está sem calcinha trajando um vestido fiquei na expectativa e confirmei minhas suspeitas os dois safados transaram na cozinha.


Ai quando ele foi pegar mais cerveja ela estava na cozinha ele logo perguntou se ela estava assanhada e sem calcinha igual da primeira vez?
E ela falou pra ele que sempre ficava assim, pois estava o esperando.
Ele olhou na direção da porta de acesso da área gourmet e viu que estávamos todos distraídos. Então na maior cara de pau começou a chupar a buceta dela , ai logo levantou abriu a braguilha e começou a meter na buceta dela, ela apoiada na mesa ele socando sem dó ,ai logo depois pediu pra ela abaixar mais o tronco e empinar o rabo ,deu dois tapas que estalaram e sem dó veio por trás e  foi metendo até comer o cuzinho dela ,a safada gemia e rebolava igual potranca ai ela disse que já estava quase gozando ele acelerou  em instantes  começou a urrar quando eu percebi ele já estava gozando, metia com  muita força na buceta dela e gozou tudo lá dentro.Safados sem camisinha ainda por cima.
Ficaram atracados alguns segundos depois ele tirou o pau pingando de dentro dela, ela toda safadinha abaixou e limpou ele todo, aí pegou um papel toalha passou no pau guardou e veio com as cervejas no cooler.
Quando chegou com um sorriso sem graça disse que estava trocando as cervejas da geladeira para congelador por isto demorou.
Não demorou minha esposa veio e com cara safada se aproximou me dando um beijo.
Filha da puta me fez sentir gosto de porra por tabela. E foi assim que me consagrei corno manso assumido esta ultima foda eu não presenciei, mas vi tudo pelas filmagens, minha esposa não estava sabendo que nesta semana enquanto ela foi visitar sua mãe eu mandei o técnico concertar o circuito interno de TV da casa toda agora o que eu não posso presenciar depois eu vejo nas filmagens.
E cada foda que até arrepio os meus cabelos.
Melhor ainda quando sei que ela me traiu e transamos no mesmo dia, aproveito e castigo mesmo fudendo até ela não agüentar mais.
Eu que sempre respeitei sua vontade de não querer fazer agora exijo que faça, ela não se opõe então agora eu tenho uma boqueteira de primeira que bebe leitinho sempre e não dispenso mais o cuzinho.
O amante pode ter um cacete grande, mas grosso igual ao meu não aproveito e arregaço mesmo é minha vingança pessoal e meu prazer maior.





Docecomomel
Feira de Santana,11 de maio de 2017
Bahia Brasil
Instagran.docecomomel2011


Arquivo de Contos

Contos Eróticos (128) Contos Eróticos Docecomomel(hgata) (35) @Docecomomelcontos (34) .Contos Eróticos de DocecomoMel (hgata) (29) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (28) .Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (27) .Contos eróticos de Docecomomel (24) Conto Erótico de Docecomomel(hgata) (15) Contos de Docecomomel (hgata) (11) Contos eróticos de docecomomel (hgata) (11) Contos hot (11) Conto de docecomomel (hgata) (10) Contos de Docecomomel (10) Docecomomel (10) Conto erótico de Docecomomel (hgata) (6) contos eróticos de docecomomel (6) @ docecomomelcontos (5) Contos Eróticos docecomomel (5) Conto Eróticos de Docecomomel(hgata) (4) Conto de docecomomel (4) Contos Eróticos Docecomel(hgata) (4) Contos eroticos de Docecomomel (hgata) (4) Contos eroticos de docecomomel (4) Poema de docecomomel(hgata) (4) Traição (4) Conto erótico de Docecomomel (3) Contos docecomomel (3) ContoseróticosdeDocecomomel(hgata) (3) Docecomomel Contista (3) 2015 (2) Ano 2015 (2) Com Uma Bi-Sexual I Docecomomel (hgata) (2) Contos (2) Contos Eroticos da docecomomel(hgata) (2) Contos de Docecomomel(hgata) Conto homo (2) Contos eroticos (2) Contoseróticos de docecomomel (2) Erotismo (2) Erotismo em alta (2) Eu e eles Docecomomel(hgata) (2) Mensagem WEB (2) Meu cunhado safado (2) Meu tio meu ex-amante.@docecomomelcontos (2) Tesão (2) contos eroticos docecomomel (2) contos hot docecomomel. (2) (homossexual) (1) * Trepando com a sobrinha de minha esposa (1) * Trepando com a sobrinha de minha esposa II (1) 04/2019contos (1) 100 Palavras Docecomel(hgata) (1) 11/2014 (1) 1ª traição de uma mulher casada. (1) 1º Conto de 2017 (1) 1º Menage da minha esposa! (1) 2º de 2014 (1) @docecomomelcontos contos (1) A Faxineira Novinha Putinha (1) A Moradora de rua...Virou minha amante.ContosEróticos de Docecomomel(hgata) (1) A Ninfetinha virgem me presenteou seus cabaços (1) A amiguinha de minha irmã. (1) A balzaquiana fogosa e seu Pupilo (1) A doutora com seu paciente.ContosEróticos de docecomomel (1) A evangélica puritana. (1) A ex-mulher do meu cunhado. (1) A noiva putinha do meu cunhado. (1) A novinha filha da empregada (1) A pedido do amigo transei com sua mulher.Contos Eróticos de docecomomel (1) A prima gostosa da minha esposa.Contos Eróticos de Docecomomel (1) A primeira vez da minha namorada.Contos Eróticos de docecomomel (1) A secretária é minha putinham @docecomomelcontos (1) A vizinha é minha mante. (1) AVISO (1) Abusada enquanto dormia por um nativo (1) Adorando ser corno conformado. (1) Algumas fantasias e fetiches: (1) Amante de uma coroa (1) Amante do sócio do marido. (1) Amante e colega de trabalho.Contos Eróticos de docecomomel (1) Amante ninfetinha tesuda e safada. (1) Amante ou Prostituta de Luxo? Docecomomel(hgata) (1) Amiga da esposa (1) Amigo do ex-marido atual amante. (1) Amigos... E amantes (1) Amiguinha da minha irmã minha putinha (1) Amizade Desejos e Algo Mais (1) Amizade que virou safadeza.Contos Eróticos de docecomomel (1) Amo ser corno manso Contos Eróticos de Docecomomel (1) Angel Ninfeta Safadinha e Gostosa (1) Aprendendo as safadezas com meu tio.Conto Erótico de docecomomel (1) Arrombei com meu amiguinho Conto homossexual de Docecomomel(hgata) (1) As Coisas Mudam e eu Mudei (1) Assumindo a Sexualidade Gay Docecomomel(hgata) (1) Atenção (1) Atração levou-me a trair.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Atração Virtual Transa Real (1) Aventura Casual (1) Aventura Louca (1) Aventura com minha vizinha do condomínio...Conto erótico de Docecomomel (1) Aventura em alto mar (1) Aventura louca de uma ninfeta safada e um coroa.Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Babá safada e tesuda. (1) Bem comida pelo fotografo (1) Bia e Lucas um caso à parte (1) Bia e Lucas um caso à partell Docecomomel(hgata) (1) Caindo na vara do negão. (1) Caindo nas garras de uma casada safada. (1) Caminhoneiro Safado Contos Eróticos de Docecomomel (1) Carta de Amor Docecomomel(hgata) (1) Carência Sexo e Amor (1) Casada Safada insaciável. (1) Casada...Safada Adora Trair.Contos de Docecomomel (hgata) (1) Casado Sim e Daí? (1) Caso Virtual (1) Charge Momesca (1) Charge de amor (1) Chuva Dourada (1) Cobiça e Desejos (1) Colega de trabalho putinha (1) Com Safadeza.@docecomomelcontos (1) Com Um negro bem dotado Conto de docecoomel (hgata) (1) Com Uma Bi-Sexual II Docecomomel (hgata) (1) Com o macho de minha tia descobrir a safadeza... Contos Eróticos de DocecomoMel(hgata) (1) Comendo Uma Coroa Gostosa e Insaciável.Contos eróticos de docecomomel(hgata) (1) Comendo a Estagiaria da Empresa (1) Comendo a Safada o marido Corno Vendo (1) Comendo a cunhada novinha (1) Comendo a esposa safada do meu tio. (1) Comendo e sendo comido (1) Comendo gostoso a namorada do meu amigo... (1) Comendo minha empregada casada II (1) Comendo minha empregada casada! (1) Comendo minha prima safada (1) Comendo o irmão da minha namorada (1) Comendo o irmão da minha namorada II (1) Comendo uma “Traveco” Conto eróticos de Docecomomel (1) Comendo à vontade (homossexual) (1) Comeu e Guardou Comeu Mais Docecomomel(hgata) (1) Comi a empregada... Gostosa de todo jeito.Conto Erótico de Docecomome l(hgata) (1) Comi a namorada do meu amigo.Conto Erótico de Docecomomel (hgata) (1) Comi gostoso meu ajudante. (1) Comi gostoso no acampamento.Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Comi um gay por excesso de tesão.Conto erótico de Docecomomel (1) Como Seduzi Meu Padrasto (1) Compadre só da cintura pra cima (1) Conto de Docecomomel (1) Conto Erótico de Docecomomel(hgata) Aventura de um garoto de programa (1) Conto Eróticos Docecomomel (1) Conto Eróticos de Docecomomel(hgata)Maratona sexual bom demais (1) Conto Eróticos de Docecomomel(hgata)Um Amor Indecente (1) Conto Lésbico (1) Conto de Docecomomel (hgata) Descobertas de Adolescente (1) Conto de Docecomomel(hgata) (1) Conto eroticos de Docecomle(hgata) Traições e Carências (1) Conto erótico de Docecomomel(hgata)Sedução Fogo e Paixão (1) Conto eróticos de docecomomel(hgata) Quando enrabei um Emo (1) Conto heterossexual (1) Conto homo (1) ContoEróticode Docecomomel(hgata) (1) ContoTrepando gostoso com meu vizinho coroa Conto Erótico de Docecomomel (1) Contoe eróticos de Docecomomel(hgata) Meu primeiro Orgasmo (1) Contor Eróticos de Docecomomel(hgata)Transando Com Uma Bissexual (1) Contos de Docecomomel (hgata) (1) Contos Eroticos Docecomomel(hgata) Anjos ou Safados (1) Contos Eroticos Docecomomel(hgata) Jovem Belo e Gostoso (1) Contos Eroticos Docecomomel(hgata) Meu jovem aprendiz do Amor (1) Contos Eroticos de Docecomomel (hgata) Negros Minha Tara. (1) Contos Eroticos de Docecomomel (hgata)Meu Padrasto meu 1º Homem (1) Contos Eroticos de Docecomomel(hgata) Sexo Prazeres do meu corpo (1) Contos Eroticos de Docecomomel(hgata)Meu noivo é Um corno Manso I (1) Contos Erótico docecomomel(hgata) (1) Contos Erótico de Docecomomel(hgata)Perdendo a Vergonha (1) Contos Eróticos Sexo animal Docecomomel(hgata) (1) Contos Eróticos Desejos e Prazer Docecomomel(hgata) (1) Contos Eróticos Eu e meu entregador de pizza Docecomomel(hgata) (1) Contos Eróticos Carências e Excessos de Desejos;Docecomomel(hgata) (1) Contos Eróticos Dueto Meu querido Bombeiro Docecomomel(hgata) (1) Contos Eróticos Meu Cunhado e Eu Docecomel(hgata) (1) Contos Eróticos Noites de Prazeres Docecomel(hgata) (1) Contos Eróticos Trilhas dos Prazeres Docecomomel(hgata) (1) Contos Eróticos Web Mensagens (1) Contos Eróticos ca Docecomomel(Hgata) Traí Gostei e teve Bis (1) Contos Eróticos de Docecomomel (hgata)Amor e Muito Sexo virtual (1) Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) Escrava do Prazer (1) Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) Fudendo com meu pedreiro (1) Contos Eróticos de Docecomomel(hgata)Perdendo a Inocência (1) Contos Eróticos de Docecomomel. (1) Contos Eróticos deDocecomomel(hgata) Aprendiz de garanhão (1) Contos Eróticos deDocecomomel(hgata) Ménage com à amiga da esposa I (1) Contos Eróticos dose dupla Docecomel(hgata) (1) Contos de Docecomomel(hgata)Inocente Tesão (1) Contos de docecomomel(hgata) Conto Homossexual (1) Contos eroticos Docecomomel(hgata)Traí e fiz uma DP deliciosa (1) Contos eroticos da docecomomel(hgata)Prazeres (1) Contos eroticos da docecomomel(hgata)Uma morena Insaciável e safada (1) Contos eroticos de Docecomomel(hgata) Caindo de boca ...Na folia (1) Contos eroticos de Docecomomel(hgata) transei com dois na madrugada (1) Contos eroticos de Docecomomel1ª vez de uma adolescente (1) Contos eroticos de docecomomel(hgata)O Negão me enrabou...Eu gostei (1) Contos eroticos de docecomomel(hgata)Sexo sem Medo e Pudor Só Prazer (1) Contos eróticos Docecomomel(hgata) Seduzi meu primo jovem (1) Contos eróticos Toca de Casais dá certo Docecomomel(hgata) (1) Contos eróticos de Docecomomel (hgata) Traição Virtual (1) Contos eróticos de Docecomomel Sendo Corno por opção II (1) Contos eróticos de Docecomomel Uma Ninfetinha Muito Safadinha (1) Contos eróticos de Docecomomel hgata) Amante de Um Casado (1) Contos eróticos de Docecomomel(Hgata) Negro e bem dotado (1) Contos eróticos de Docecomomel(Hgata) Uma Trepadinha Rápidinha (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) Aprendiz de Amante (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) Calcinhas meu maior fetiche (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) Dando e recebendo Amor (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) Inocente Tesão II (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) Minha Primeira Amante (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata) Um viuvo bom de Cacete (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Comendo do que gosto. (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Desejos de Um Coroa (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Perdendo o Cabaço (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Traindo com a amiga da esposa 2ª parte (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Traindo com amiga da esposa 1ª parte (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Traindo e gozando muito (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Transando com meu genro (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Um boy para uma coroa ousada (1) Contos eróticos de Docecomomel(hgata)Uma rapidinha com o massagista (1) Contos eróticos de docecomomel (hgata) Meu Amante Bom de cama (1) Contos eróticos de docecomomel (hgata)lFruto de Uma traição (1) Contos eróticos de docecomomel(hgata) Relato do meu 1º Anal. (1) Contos eróticos de docecomomel(hgata) Safadeza com um bissexual Enrustido Homo (1) Contos eróticos de docecomomel(hgata)Comendo uma Ninfeta Virgem e Gostosa. (1) Contos eróticos de docecomomel(hgata)Enrabando Uma ninfeta e um Emo (1) Contos eróticos de docecomomel(hgata)Meu 1º anal com minha namorada (1) Contos eróticos de docecomomel(hgata)Transando com meu Chefe (1) Contos eróticos deDocecomomel(hgata) (1) Contos eróticos deDocecomomel(hgata) Aventuras de Um Casado Fogoso I (1) Contos eróticos deDocecomomel(hgata) Sendo Corno Por Opção (1) Contos eróticos deDocecomomel(hgata) Transando Com Intenso Prazer (1) Contos eróticos deDocecomomel(hgata) Transando com meu genro II (1) Contos eróticos.com.br/ (1) Contos erótticos de docecomomel Trai meu noivo com meu patrão...E gostei muito! (1) Contos hot de docecomomel (1) Contos hotm contos picantes (1) Contos.Contos Eróticos (1) ContosEroticos Docecomomel(hgata) Desejos e Corpos Ardentes (1) ContosEroticos de Docecomomel(hgata) Meu Amante Bem Dotado. (1) ContosEroticos de Docecomomel(hgata) Meu Noivo é"Corno Manso" II (1) Contos´eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Corno (1) Corno Assumido (1) Corno Manso e Marido Fiel. (1) Corno Manso e Submisso.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Corno Sempre Corno (1) Corno sem Vergonha e Manso (1) Corno...Mais feliz. (1) Coroa (1) Coroa Gostosa. (1) Coroa pai de minha amiga Docecomomel(hgata) (1) Coroa viúva carente gostosa.Contos eróticos de docecomomel (1) Crônica de Docecomomel (hgata) (1) Crônica de Docecomomel(hgata) Coneito de Natal HÕ Hô (1) Crônica de Docecomomel(hgata) Paixão Minha Sedução (1) Cuidando e dando muito ao meu vizinho.Conto erótico deDocecomomel(hgata) (1) Cunhada Safadinha e Gostosa. (1) Curtindo Uma DP Contos eróticos deDocecomomel(hgata) (1) Dando No Plantão Docecomomel(hgata) (1) Dando a meu Senhor (1) Dando para o marido da minha mãe. (1) De Caso com meu Cunhado (1) De babá a amante de luxo (1) De donzelo a garanhão. Conto Eróticos de Docecomomel (1) De faxineira a minha amante! Conto de Docecomomel (1) De motorista a amante da patroa. (1) De tio atual amante. Contos de Docecomomel (1) Deficiências (1) Dei Corno Em minha própria cama Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Dei a meu vizinho Voyeur (1) Dei de presente uma mulher. Docecomomel(hgata) (1) Depois de casada... Traí com o filho da vizinha.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Desabafo (1) Desabafo de uma mulher casada e infeliz.Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Desabafos de Uma mulher Casada e Infeliz Docecomomel(hgata) (1) Desejos e Taras (1) Devaneios e Prazeres de Gabi Docecomel(hgata) (1) Devassidão de Namoro Docecomomel(hgata) (1) Dia do Beijo (1) Doce mel Video e letra da música (1) DocecomoMel (hgata) Agradecimento (1) Docecomomel (hgata)Contos Rróticos (1) Docecomomel Conto Erótico.Trepada Casual Com Intenso prazer (1) Docecomomel Contos Eróticos (1) Docecomomel Poema (1) Docecomomel conto em espanhol Yo ... Y el padre de mi amigo (1) Docecomomelcontista (1) DocecomomoMel &Climax contos (1) Doces Desejos de Meninos (1) Dois milhoes de acessos blog sensacoes com emoçoes. (1) Don Juan e Bom de Cama Docecomomel(hgata) (1) Dormindo com a madrinha! (1) Dou corno no meu tio... E dai?Docecomomel (1) Dupla penetração docecomomel(hgata) (1) Duvidou Caiu na Vara do Negão (1) Eduardo Boquinha Santa (1) Ela pediu comida eu dei Sexo! Contos Eróticos de docecomomel (1) Em teus olhos (1) Embarcando no ônibus do prazer (1) Empregada Gostosa E Safada Contos eróticos de Docecomomel (1) Empregada Gostosa e Eu. (1) Empregada Tesuda. Contos eróticos de docecomomel (1) Encochada e comida no ônibus lotado.Contos eróticos de Docecomoml (1) Encochada no Trem (1) Encochado pelo negão no ônibus (1) Encontro de Machos... Famintos por sexo.Contos Eroticos de Docecomomel (1) Encontros e Safadezas na Noite (1) Enrabado pelo meu tio (1) Entregador de água bem dotado...Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Era motorista agora amante.Conto Erótico d3e Docecomomel(hgata) (1) Esposa do meu tio (1) Estagiário tesudo e safado (1) Estranho desejos Docecomel(hgata) (1) Estreando um Gay Virgem Docecomel(hgata) (1) Estrepulias em tardes de sábado Docecomomel(hgata) (1) Estuprada pelo cunhado. (1) Eu Sou um Corno...e Manso (1) Eu Traì Meu Namorado Docecomel(hgata) (1) Eu Traí pela Força da Carência Docecomomel(hgata) (1) Eu com meu professor de Auto escola Docecomomel(hagata) (1) Eu com meu professor de autoescola. (1) Eu com uma Bi docecomomel(hgata) (1) Eu e Meu Nerd Tesudo (1) Eu e Eles ll Docecomomel(hgata) (1) Eu e Meu Dentista Docecomomel(hgata) (1) Eu e Meu Negão Safado Docecomomel(hgata) (1) Eu e Um Coroa Safado Contos Eroticos de Docecomomel (1) Eu e Você Conto EróticoDocecomomel(hgata) (1) Eu e a coroa casada e gostosa. (1) Eu e meu garoto de programa (1) Eu e meu padrasto. (1) Eu e meu primo Felipe (1) Eu e meu tio adotivo (1) Eu e o pai de minha amiga Docecomomel(hgata) (1) Eu eoBoy da Empresa Docecomomel(hgata) (1) Eu meu marido e um amigo! Conto de Docecomomel (hgat) (1) Eu minha esposa e sua namorada.Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Eu não sou gay (1) Eu sou corno... Manso e daí? Contos Eróticos de Docecomomel (1) Eu traí e adorei...A traição.Contos Eróticos de Docecomome (1) Eu traí por ciúmes. (1) Evangélica Safadinha e Gostosa. (1) Ex -sogra atual amante.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Ex-namorada agora putinha safadinha.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Ex-namorada...Agora amante. (1) Exames e Algo Mais Com Meu Ginecologista Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Excitação ou Desejo Docecomomel(hgata) (1) Explosão de tesão e prazer. (1) Fantasias Uma DP na praia de “Nudismo”Conto Erótico de docecomomel(hgata) (1) Faturando a colega de trabalho. (1) Fazendo Amor a beira mar. Docecomel(hgata) (1) Feliz Ano Novo (1) Feliz simplesmente (1) Fetiche Docecomomel(hgata) (1) Fetiche a dois. (1) Fetiche de um casado bi-sexual Conto de ocecomomel (hgata) (1) Fetiches Traição e Safadeza! (1) Finalmente me tornei Corno (1) Fiz Sexo Oral com um Coroa. Docecomel(hgata) (1) Fiz de meu colega um corno. E manso.. Contos Eróticos de Docecomomel (hgata) (1) Flagrei Meu sogro Transando com a Empregada (1) Folias de Carnaval (1) Força e Tesão (1) Frases Picantes I Web Mensagens (1) Frases Picantes II Web Mensagens (1) Fudendo a mulher do meu tio (1) Fudendo a mulher do meu tio. II (1) Fuga Sexual Com Muita Safadeza Contos Eróticos Docecomomel(hgata) (1) Fui Traída por minha Amiga. (1) Fui Traída por uma amiga Docecomomel(hgata) (1) Fui comido Enganado Docecomomel(hgata) (1) Férias Sexo e Jovens Docecomomel(hgata) (1) Gay (1) Gosto de comer e adoro ser Comido (1) Infiel (1) Insanos Desejos Docecomel(hgata) (1) Interação Meu doce mel Docecomomel(hgata) (1) Invasão de WC Docecomomel(hgata) (1) Jovens em Êxtases e Delirios Contos Eróticos de Docecomomel (hgata) (1) Letra Musica e texto de "coisas de la vita" (1) Letra Música Rita Lee Amor e Sexo (1) Letra de música Cavalgada (1) Libido (1) Loirinha novinha bem safadinha.Contos hot (1) Loucos Desejos Docecomomel(hgata) (1) Loucuras de Prazer Docecomel(hgata) (1) Luxuria e Traição (1) Mais um Corno Feliz.Conto Erótico de docecomomel (1) Mais um gay na minha vida. Conto eróticos de docecomomel (1) Marcia Uma insaciável. Docecomel(hgata) (1) Marcos Transa ou Paixão Docecomel(hgata) (1) Marcão (1) Marketing Direto (1) Me Descobrindo Lésbica Conto homossexual feminino (1) Melina uma doce mulher. (1) Menage Feminino (1) Menage com o marido de minha tia (1) Menina Mulher Docecomomel(hgata) (1) Mensagem sex. Docecomomel(hgata) (1) Meu 1º Caso extra conjugal Docecomomel(hgata) (1) Meu Amante do Interior (1) Meu Anjo e Querubim (1) Meu Corpo Capricho e prazeres ...BDSM Ou não? Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Meu Enteado Bom de Cama Docecomomel(hgata) (1) Meu Enteado Safado.Contos eroticos de Docecomomel (1) Meu Ex cunhado Safado e Gostoso Docecomomel(hgata) (1) Meu Fetiche é meu maior tesão. (1) Meu Namorado "Afro e bem dotado". (1) Meu Negro Lindo Tesudo (1) Meu Padrasto Tesudo (1) Meu Prazer é Você Docecomomel(hgata) (1) Meu Primo Safadinho (1) Meu Primo Tarado e Tesudo (1) Meu Primo e Eu Docecomomel(hgata) (1) Meu Professor de Academia Safado:Contos de docecomomel (1) Meu Professor de Hidro Docecomomel(hgata) (1) Meu Vizinho Garanhão (1) Meu amante é bem dotado (1) Meu amante é um negro safado! (1) Meu amigo virtual (1) Meu colega comeu minha mulher.Contos Eroticos de Docecomomel (1) Meu colega de quarto me comeu (1) Meu cunhado... Fez meu marido virar corno! (1) Meu dia de Puta (1) Meu enteado Safado 2 (1) Meu enteado safadao. (1) Meu ex-primo..Atual amante.Docecomomel(hgata) (1) Meu fetiche com a empregada (1) Meu macho é namorado de minha mãe (1) Meu marido gostou de ser corno! (1) Meu noivo é"Corno Manso" (1) Meu padrasto meu primeiro homem (1) Meu primo bem tesudo e safado (1) Meu primo meu macho. (1) Meu professor meu macho Safado (1) Meu pupilo adorável e gostoso Docecomomel(hgata) (1) Meu querido gigolô Docecomomel(hgata) (1) Meu técnico meu macho (1) Meu vizinho meu maior tesão. (1) Meu vizinho é corno manso...I (1) Meu vizinho é corno manso...II Contos eróticos de Docecomomel (1) Meu vizinho é muito safado (1) Meu Ébano Docecomomel(hgata) (1) Meus desejos de Amor Docecomomel(hgata) (1) Meus desejos de amor.Conto erótico de Docecomomel Meus desejos de Amor (1) Minha 1ª Vez foi com Um Gay (1) Minha 1ª traição (1) Minha 1ª traição foi com um novinho da Web. (1) Minha Chefa me Seduziu... Amei... (1) Minha Enteada Safadinha. (1) Minha Lua-de-mel.Docecomomel(hgata) (1) Minha Massagista Tarada (1) Minha Prima Safada e Tesuda...Contos hot (1) Minha Prima Tesuda. (1) Minha Prima Virgem e Safada... @@Docecomomelcontos (1) Minha Vizinha Safada e Gostosa. (1) Minha amante casada (1) Minha amante casada...@docecomomel (1) Minha colega de trabalho safada (1) Minha colega de trabalho é uma puta gostosa (1) Minha enteada e Eu. (1) Minha esposa me deu corno com meu vizinho.Contos Eróticos de DocecomoMel (1) Minha iniciação em sexo anal .Contoeróticos de Docecomomel(hgata) (1) Minha namorada com meu primo.@docecomomelcontos (1) Minha prima boa de foda (1) Minha prima putona (1) Minha prima safada. (1) Minha primeira foda com uma coroa. (1) Minha primeira vez Docecomomel(hgata) (1) Minha primeira vez. (1) Minha primeira “Virgem” Contos eróticos de docecomomel (1) Minha sogra...Minha puta! (1) Minha tia minha 1ª foda. (1) Minha tia minha amante.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Minha tia safada.mContos eróticos de docecomomel (1) Minha vizinha novinha safadinha.Contos eróticos de docecomomel (1) Minha vizinha safada (1) Modelos imagens (1) Moema (1) Morena Safada.Contos Eróticos de docecomomel (1) Muito Sexo com Minha Chefe (1) Mulher tem que ser igual puta (1) Ménage Entre Amigos Docecomomel (hgata) (1) Ménage com as 2 irmãs. (1) Ménage com duas Safadas e Gostosas (1) Ménage com filho e sua mãe.Contos de DocecomoMel (1) Ménage com minha esposa.Conto Eróticos de Docecomomel (1) Ménage com à Amiga da Esposa (1) Ménage à trois... No Albergue... (1) Ménage à trois... No Albergue... Docecomel(hgata) (1) Na Cabine de um caminhão. docecomomel(hgata) (1) Na Calada da noite...Meu cunhado fodeu gostoso comigo!Contos eróticos de docecomomel (1) Na calada da noite...Meu cunhado transou comigo Contos eróticos de docecomomel(hgata) (1) Na dúvida optei em Dá (1) Na garagem dentro do carro docecomomel(hgata) (1) Negro e bem dotado...Alguém resiste? (1) Ninfeta do Interior Docecomomel(hgata) (1) Ninfeta safadinha Deu...e Arrependeu (1) Ninfetinha Safadinha Docecomomel(hgata) (1) No Escuro do Cinema Docecomomel(hgata) (1) No motel de Beira de Estrada Docecomomel(hgata) (1) No ônibus Docecomomel(hgata) (1) Noites de Insônia e o vigia .Conto eróticos de DocecomoMel(hgata) (1) O Boy do Mercadinho (1) O Chefe e sua Estagiária. (1) O Maridoda minha tia II Docecomel(hgata) (1) O Namorado da minha amiga Docecomel(hgata) (1) O Pecado Mora ao Lado Docecomel(hgata) (1) O chefe e sua estagiária (1) O clímax do tesão em traí (1) O marido de minha tia Docecomel(hgata) (1) OBRIGADO UM MILHÃO DE ACESSOS (1) Orgasmos Múltiplos Docecomomel(hgata) (1) Orgasmos Poéticos (1) Orgasmos no ônibus II Docecomomel(hgata) (1) Orgia ou Ménage (1) PRIMA CARENTE E PUTA (1) Pagando Traição com Traição (1) Pagando um boquete pro negão (1) Pagou Dividas Com Sexo (1) Paixão e Docecomomel poema Eterno amor docecomomel(hgata) (1) Para ser corno tem que ser manso! Contos de Docecomomel (1) Parceiros AmantesDocecomomel(hgata) (1) Patricia...Indecente... mas feliz! Conto Eróticos de docecomomel (1) Paulo e Déia um caso Surreal.Será?Docecomel(hgata) (1) Pegando a cunhada Novinha.Contos de DocecomoMel (1) Pegando namorado da amiguinha Conto da Docecomomel (1) Peguei a mulher do meu tio.Contos Eroticos de Docecomome (1) Peguei minha prima e sua amiguinha! Contos Eróticos de Docecomomel (1) Pintando o 7 Docecomomel(hgata) (1) Poema Desejos de Você Docecomomel(hgata) (1) Poema Doce desejos Docecomomel(hgata) (1) Poema Erótico Abraça-me Docecomel(hgata) (1) Poema Erótico Quero Você Docecomel(hgata) (1) Poema Erótico Sabor de Canela Docecomomel(hgata) (1) Poema Erótico Vem..te queroDocecomomel(hgata) (1) Poema Você e Eu Docecomomel(hgata) (1) Poema em dueto com Antonio Tavares.e Docecomomel (1) Poemeto de Docecomomel(hgata) raimunda a boa de bunda (1) Poeminha do Beijo (1) Poeminha do Querer Docecomomel(hgata) (1) Poetando na Blogsfera Eu e Você (1) Prazer e Tesão com Foda Bareback (1) Prazer de ser corno manso (1) Prazer de ser corno manso! (1) Prazeres de Mneina em Corpo de Mulher Docecomomel(hgata) (1) Prazeres e Êxtase (1) Prima é perigo constante. (1) Primeiro anal... Inesquecível.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Priminha Safada Carente (1) Primo do meu marido meu amante.Contos de docecomomel (1) Professora Particular Contos Eróticos de Docecomomel (hgata) (1) Prosa poética Calo-me Docecomomel(hgata) (1) Prova de sedução (1) Provando de meu Mel (1) Putaria com a novinha. (1) Quietinha e de Madrugada Docecomomel(hgata) (1) Rafael meu 1ºMacho Fudedor (homossexual) (1) Recado do Blog (1) Relato De Um Estupro (1) Relato de um corno conformado. (1) Relato de uma Safadeza.. Docecomel(hgata) (1) Saciando desejo da esposa do primo.Contos Eroticos de Docecomomel(hgata) (1) Safada Ou Santinha?? (1) Safadeza na Noite (1) Safadeza no Escuro do meu Quarto. (1) Safadinha e o coroa pai da amiga. (1) Safadinha.Contos Eróticos de docecomomel (1) Safado e Bem Dotado (1) Saudades Sentidas Docecomel(hgata) (1) Saudades de Meu Bem DocecomoMel(hgata) (1) Saudades e Tesão Docecomomel(hgata) (1) Seduzida pelo meio Irmão (1) Seduzindo o Cunhado (1) Sem Preconceitos Docecomel(hgata) (1) Sem ter o que fazer (1) Sendo Corno por Opção (1) Sensualidade e Êxtase docecomomel(hgata) (1) Ser Corno Manso é Prazeroso.Contos Eróticos de Docecomomel (1) Ser Corno Manso é só Tesão.Contos eróticos de Docecomomel (1) Ser Corno e Prazer Surreal. (1) Sexo Anal Prazer Infinito (1) Sexo Casual com um colega. (1) Sexo Casual e Safadeza (1) Sexo Prazer Força e Tesão Contos de Docecomomel (1) Sexo Traição em Família (1) Sexo Virtual Docecomomel (hgata) (1) Sexo e Aventuras (1) Sexo e Desejo Intenso.ll (1) Sexo e Desejo Intenso.parte l (1) Sexo entre amigos! (1) Sexo...Amei comer um rabo guloso. (1) Siririca Meu Bel-prazer (1) Siririca No Cinema Docecomel(hgata) (1) Sobrinha Bem Safadinha (1) Sonhos e Desejos Realizados (1) Sou Garoto de Programa.Contos Eroticos de Docecomomel (1) Sou Mundana e Dama (1) Sou um corno submisso. (1) Swing Prazeres Compartilhados (1) Só... Hoje (1) Tarde de Amor e Sexo Docecomomel(hgata) (1) Tecnico ou Garanhão Docecomomel(hgata) (1) Tesão de Gay (1) Tesão e Traição. Contos Eróticos de docecomomel (1) Tesão e traição entre primos (1) Tesão em ser corno (1) Tomei a namorada do primo (1) Tornei-me amante de meu cunhado.Contos Eróticos de Docecomome (1) Tornei-me amante do meu sogro.Docecomomel(hgata) (1) Tornei-me uma Sub (1) Trai por não suportar abstinência. (1) Traido em minha propria cama<contos de Docecomomel (1) Traindo Com meu sobrinho Docecomomel(hgata) (1) Traindo com a esposa do meu primo. @ docecomomelcontos (1) Traindo com meu sobrinho II Docecomomel(hgata) (1) Traindo com um JovemDocecomomel(hgata) (1) Traindo com um garoto de programa Contos eróticos de docecomomel(Hgata) (1) Traindo com uma caipira gostosaDocecomomel(hgata) (1) Traindo por pura Safadeza (1) Traição Consentida (1) Traição corno manso (1) Traição e Safadeza Total (1) Traição em familia Docecomel(hgata) (1) Traição fora do comum. (1) Traição no Litoral Contos Eroticos Docecomomel(hgata) (1) Traição no Litoral em dueto com Tiozão &Docecomomel (1) Traição é Sempre Traição...Mas é bom demais (1) Traições Servem de Lições (1) Transa Teen (1) Transando Com Duas Ninfetas Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Transando Com Meu Chefe Docecomomel(hgata) (1) Transando Com Meu Genro III (1) Transando Com Minha Sogra (1) Transando Com Veu Vizinho Docecomel(hgata) (1) Transando Em Quatro Rodas (1) Transando Gostoso Na Cachoeira (1) Transando com Minha Sogra II Conto erótico de Docecomomel20112hotmail.com (1) Transando com a Vizinha Casada Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Transando com a amiga safada dos meus filhos... Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Transando com a mulher do amigo. (1) Transando com duas safadas (1) Transando com filho da empregada (1) Transando com filho da vizinha (1) Transando com meu professor de biologia (1) Transando com meu1ºAmante Conto eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Transando com minha cunhada. (1) Transando com minha sogra...@docecomomelcontos (1) Transando com o cunhado (1) Transando com o tio de minha amiga (1) Transando com um Amigo (1) Transando com um boy de programa (1) Transando gostoso com a chefa rabuda (1) Transando gostoso comeu tio (1) Transei Com Empregada Casada Safada: (1) Transei com a Prima Safada (1) Transei com a mulher do meu tio. (1) Transei com dois no ônbus Docecomomel(hgata) (1) Transei com meu Sogro E Agora (1) Transei com o namorado virtual de amiga...Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Transei com primo da namorada. (1) Transei com um bem dotado Adorei (1) Transei com um casado E dai.Docecomomel(hgata) (1) Transei com um travesti ...E gostei Contos Eróticos de Docecomomel (hgata) Video (1) Transei muito e gostei Docecomel(hgata) (1) Traçando a mulher do meu tio. (1) Traçando a tia da esposa...Contos Eróticos de Docecomomel (1) Traí (1) Traí antes do meu casamento:Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Traí meu marido com um sobrinho seu...Conto Erótico de Docecomomel (1) Traí meu marido com um sobrinho seu...Conto de docecomomel (1) Traí meu tio com sua mulher safada.Contos de Docecomomel (1) Traí sim (1) Trepando com minha cunhada gostosa (1) Trepando com minha cunhada gostosa II (1) Trova de amigos e docecomomel (1) Um "Cara" fora de série. (1) Um Amor Gostoso e Real (1) Um Antigo e Safado caso de amor.Contos eróticos de Docecomomel (hgata) (1) Um Cara fora de série. Docecomel(hgata) (1) Um Caso Real Docecomomel(hgata) (1) Um Caso Virtual que virou Real docecomomel(hgata) (1) Um Coroa prá de gostoso Docecomomel (hgata) (1) Um EMO safado em meu caminho. Contos Eróticos de Docecomomel (1) Um Encontro Casual Contos eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Um Incesto Inesperado (1) Um Pedreiro Comedor (1) Um amigo Virtual...Um Amante Real.@docecomomelcontos (1) Um amor de professor particular Docecomomel(hgata) (1) Um amor de verão Docecomel(hgata) (1) Um amor diferente Docecomomel(hgata) (1) Um bem dotado Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Um bem dotado fudendo adoidado (1) Um bem dotado... De repente uma traição. Contos de docecomomel (1) Um caso extraconjugal Docecomel(hgata) (1) Um coroa galante e gostoso (1) Um coroa muito safado Docecomomel(hgata) (1) Um donzelo em minha vida Docecomomel(hgata) (1) Um encontro casual... Uma transa sensacional...Contos Eróticos de Docecomomel (1) Um encontro casual...Um ménage sensacional.Contos de docecomomel (1) Um fetiche (1) Um fetiche e muito tesão! (1) Um final de semana Docecomomel(hgata) (1) Um louco desejo...Uma traição! (1) Um massagista bom de tudo. Docecomel(hgata) (1) Um negão...Como eu gosto (1) Um novinho para chamar de Meu! (1) Um pau amigo...Vale ouro! Contos de Docecomomel (1) Um pupilo devasso e gostoso (homo) (1) Um sexo diferente E Gostoso Docecomomel(hgata) (1) Um virgem bem dotado Docecomomel(hgata) (1) Um virgem e Eu Docecomel(hgata) (1) Um é... Dois é...Três e D++ da conta (1) Uma Casada inexperiente...Muito safada. Contos Eróticos de Docecomomel (1) Uma Coroa Carente e Tesuda (1) Uma DP com meu marido e seu amigo.Conto de Docecomomel (1) Uma Morena Tesuda Safada (1) Uma Mulher em Minha Vida (1) Uma Putinha Safadinha. (1) Uma amante casual safada demais (1) Uma amante só minha. (1) Uma aventura Alucinante.Contos Eróticos de Docecomomel(hgata) (1) Uma balzaquiana Fogosa (1) Uma boa opção uma amante...Safada.Contos eróticos de Docecomomel (1) Uma carona legal Docecomomel(hgata) (1) Uma casada Safada. (1) Uma deliciosa DP.Com dois irmãos (1) Uma festa muito boa. Docecomomel(hgata) (1) Uma festa surreal...Uma traição. (1) Uma mulher Papa-Anjo (1) Uma putinha gostosa. (1) Uma putinha só minha. Contos Eróticos de Docecomomel (1) Uma safadinha só minha (1) Uma sobrinha gostosinha (1) Uma tal Larissa casada e putinha.Contos de Docecomomel (1) Uma tarde de prazer.Docecomomel(hgata) (1) Uma traiçao Uma magoa docecomomel(hgata) (1) Uma traição (1) Uma transa no meio da tarde (1) Uma vizinha putinha e safadinha ! Docecomomel Contos Eróticos (1) Uma viúva carente e gostosa.Contos Eróticos de Docecomomel (hgata) (1) Uma voz... Uma cantada ...Uma noite de amor. (1) Valores Jovens Pessoas (1) Vem Web Mensagens (1) Viagem ao Portal do Amor Docecomomel(hgata) (1) Video de Docecomomel (1) Video e Imagem Chico Buarque O Meu amor (1) Vinícius de Morais (1) Vivenciando o Amor (1) Vizinha amiga e amante: Contos de docecomomel (1) Vizinha Safada e Gostosa. (1) Vizinha e Amante Safadinha (1) Vizinha putinha. (1) Vizinha safadinha e Gostosa Docecomel(hgata) (1) Vizinhos e Amantes: (1) Web Curiosidades (1) Web Informações (1) amante (1) amiga de minha mãe (1) amor e paixão (1) blogs (1) blogs docecomomel (1) com amigo do namorado! Contos docecomomel (1) contista docecomomel (1) conto (1) conto eroticos (1) conto erótico docecomomel (1) contos de sexo (1) contos de sexo.Docecomomel (1) contos de tesão. (1) contos docecomomel contos hot docecomomel (1) contos eróticos de docecomle(hgata) Comendo a babá em seu trabalho (1) contos eróticos de docecomomel(hgata) Galinhando com meu namorado (1) contos homosexxual (1) contos top (1) contoshot (1) de Docecomomel(hgata) Aprendendo a nadar eu Traí...E Agora? (1) docecomome (1) docecomomel contos (1) docecomomel(hgata) (1) docecomomel(hgata) Cronica azeda (1) erotico (1) eroticos (1) foi com meu cunhado (1) http://sensacoescomemocoes.blogspot.com.br/ (1) l@docecomomelcontos (1) lcontos (1) magens da segunda (1) mas sem pretenção Contos Eróticos Docecomomel (1) minha amante. (1) o (1) orgasmo no ônibus Docecomel(hgata) (1) pornografia gifs (1) safada (1) safadeza (1) sensual (1) sexo (1) sexy (1) sexy tesão (1) só fodo com eles Contos Etóticos de Docecomomel (1) tio (1) traição. (1) uma aventura total. (1) uma foda perfeita (1) uma morena safada (1) uma trepada casual! Contos Eróticos de Docecomomel (1) virou meu amante.Conto erótico de DocecomoMel (hgata) (1) web Mensagens A Dieta do Sexo (1) web mensagens O beijo (1) Êxtases Delírios e Sacanagens (1)

"Meu Nascimento" 12/07/2010.

"Meu Nascimento" 12/07/2010.
Como sem querer envoltos em pensamentos de carinho e amor nasceu a concepção deste Blog. Meus contos são a prova viva de quem sabe não precisa nascer sabendo.Aprendi a andar sozinha e sei o meu real valor...O que muitos que se julgavam capazes pisam e desmoralizam. Nada sabem. Não sou fake nem tão pouco poetisa. Sou Mulher humana que faz de seus descaminhos errantes estradas de Paz e Luz para todos."Sou docecomomel(hgata)" Meu primeiro conto erótico 12/7/2010.
free counters

.

"Nunca é tarde para abrirmos Mão dos nossos Preconceitos "